05
Ago 12


Capítulo 11

Eu e a Mia ficámos a dormir na casa da Robecca. Foi uma noite muito divertida.

- Mia estás à meia hora no banho! – gritou a Robecca. – Despacha-te.

Vinte minutos depois ela sai da casa de banho.

- Tanto tempo! – reclamou a Robecca entrando na casa de banho.

- Uma rapariga precisa de bastante tempo para ficar bonita. – respondeu a Mia.

Eu como tinha sido a primeira a ir tomar banho já estava pronta, apenas estava à espera da Robecca e da Mia.

- Milie tu nem imaginas o que aconteceu ontem na festa em La Push! Um rapaz misterioso sentou-se ao meu lado, e ele era LINDO. – disse a Mia carregando na palavra lindo.

- O Tom disse-me que tinhas conhecido um borracho.

- Tive pena de não ter ficado com o número dele. – disse ela fazendo beicinho.

- A sério? – perguntou a Robecca saindo da casa de banho. – O rapaz era lindo e tu nem sequer ficaste com o número? Nem parece teu Mia.

Depois da Mia finalmente ter acabado de se arranjar fomos para a escola. Quando chegamos o Justin e o Evaristo já estavam agarrados a uma bola de futebol.

- Meu Deus! – exclamou a Mia. – Já estão a jogar futebol? Vão ficar todos soados.

- Não importa! – disse o Justin.

- Não quero nenhum de vocês perto de mim na aula. – disse a Mia enojada.

Entretanto os Cullen chegaram e nós fomos andando para dentro da escola.

- Bem, eu vou retocar a maquilhagem. – disse a Mia dirigindo-se à casa de banho.

- Eu preciso de ir falar com o Lucas. – disse a Robecca.

E começaram todos a ir-se embora.

- Ei, ninguém me ajuda?! – gritei.

Pelos vistos não.

Comecei a dirigir-me para o meu cacifo bastante atrapalhada. Vi uma rapariga com madeixas no cabelo a passar e resolvi pedir-lhe ajuda.

- Olá. Podes ajudar-me? – pedi educadamente.

- Tenho cara de empregada? – perguntou ela rudemente.

- Não mas…

- Então adeus. – disse ela indo-se embora.

- Há pessoas tão mal educadas! – resmunguei.

Antes de deixar cair o livros todos ao chão o Ryan apareceu do nada e apanhou-os todos.

- Obrigada. – agradeci.

- Está quase a tocar, vamos andando para a aula? – perguntou ele.

- Sim. – respondi.

Quando já estávamos dentro da sala eu virei-me para trás e perguntei ao Ryan:

- Porque tens sido tão simpático comigo? – perguntei-lhe.

- Sr. Montez esteja calada! – disse o professor para mim.

- Peço desculpa.

No final da aula eu fui para o parque de estacionamento com a Mia. Havia lá uma caravana que vendia hambúrgueres, cachorros quentes, saladas e até burritos. Depois fui sentar-me com ela numa mesa de jardim e passado algum tempo chegou a Robecca, o Justin, o Evaristo e o Samuel acompanhado por um rapaz.

- Pessoal este é o Liam. Liam estes são o Justin, o Evaristo, a Robecca, a Mia e a Emilie. – disse o Samuel apontando para cada um de nós enquanto dizia os nossos nomes.

- Eu já te conheço! – disse a Becca. – Nós temos espanhol juntos e tu namoras com a  Mikayla.

- Pois acho que as pessoas não gostam muito dela. – disse ele sentando-se connosco.

Passado algum tempo apareceu a rapariga mal educada que não me ajudou de manhã.

- Liam, porquê que estás sentado com estes? – Perguntou ela.

- Amor, podias ser mais simpática para as pessoas. – disse o Liam para a rapariga.

- Não me parece. – disse ela.

- Mikayla podes sentar-te se quiseres. – disse a Becca.

- Não. – respondeu a tal de Mikayla e depois foi-se embora.

- Bem tenho de ir. – disse o Liam levantando-se e indo atrás dela.

- Qual é o problema dessa Mikayla? – perguntei.

- Não sei. Ela sempre foi rude com toda agente. – disse o Samuel.

- O que vão fazer depois do almoço? – perguntei.

- Eu e o Evaristo temos treino de futebol. – disse o Justin.

- Eu e a Becca temos treino da claque. – disse a Mia.

- Eu posso assistir? – perguntei.

- Claro. – respondeu a Becca.

- E tu vens comigo Samuel. – disse eu.

- O quê? Não! – reclamou ele.

- Vens sim. – disse eu.

Vi o Ryan fazer-me sinal que queria falar comigo. Eu levantei-me e fui ter com ele.

- Precisas de boleia para ir para casa? – perguntou.

- Não. Eu ainda vou ficar aqui na escola.

- Porquê?

- Vou assistir ao treino da claque.

- Estás a pensar em juntar-te à claque quando tirares o gesso?

- Agora que falaste nisso, até seria divertido.

- Não tens ar de miúda da claque.

- É complicado de explicar…

De repente ele vira-se muito rápido e agarra uma bola de futebol que vinha em direcção à cabeça dele, depois atirou-a ao Justin com tanta força que ele quase caiu.

- UAU! – disse eu. – Devias fazer provas para entrar para a equipa de futebol.

- Dispenso. – disse ele.

- Milie! – gritou o Samuel.

- Os teus amigos estão a chamar-te é melhor ires. – disse o Ryan.

Depois deu-me um beijo no rosto e começou a andar em direcção ao carro dele. Naquele momento o meu coração parou.

- Uh uh… - disse o Samuel.

- Não comeces. – avisei.

Ryan

Quando cheguei a casa a minha mãe estava a limpar sangue do tapete.

- O quê que estás a fazer? – perguntei-lhe.

- Estou a limpar a porcaria do Chuck. – respondeu.

- Ele está lá em cima com umas raparigas. O jantar dele. – disse a minha irmã.

Ele deve ter ouvido a nossa conversa porque veio juntar-se a nós na sala.

- Porquê que voltaste? – perguntou a Anne.

- Ora, já disse que estava com saudades. Sabem bem que não consigo passar muito tempo longe da família. – disse ele num tom irónico.

- Não és bem-vindo aqui. – disse a minha mãe.

- Eu sei que vocês não me querem cá, mas esta é e sempre será a minha casa. – disse ele.

Ele estava a aprontar alguma. Não é normal esta súbita saudades de casa.

- Olá priminho. Como foi a escola? – perguntou-me.

- Como se tu quisesses saber. – disse eu.

- E a Emilie? Como é que ela está?

- Não te interessa. – disse-lhe eu.

- Isso não são maneiras de falares comigo. – disse ele. – Quando é que os meus pais chegam da caçada?

- Não sei. – respondeu a minha mãe.

- E afinal o quê que tu sabes? – disse ele. – Ryan deixei duas humanas lá em cima para ti se quiseres divertir-te um pouco.

- Dispenso Chuck.

- Tenho saudades dos velhos tempos. – Lamentou-se ele. – Tu eras bem mais divertido. Bem vou sair porque ontem conheci uma miúda que quero muito voltar a ver.

publicado por Twihistorias às 18:00
Fanfics:

4 comentários:
Omg!a garota é a mia não é?
Marcela Thomé a 6 de Agosto de 2012 às 20:35

A propósito,que esporte é esse que a mia e a robecca praticam? Nunca ouvi falar...
Marcela Thomé a 6 de Agosto de 2012 às 21:46

Elas pertencem à claque da escola! São cheerleaders!

Obrigada pelo teu comentário!

Bjs
Jaqueline a 7 de Agosto de 2012 às 12:26

Ah tah,desculpa...é que aqui não tem disso...obg pela explicação!
Marcela Thomé a 7 de Agosto de 2012 às 17:09

Agosto 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9

12
13
15
16

19
20
24
25

26
28


mais sobre mim

ver perfil

seguir perfil

32 seguidores

pesquisar neste blog
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

O nosso facebook
facebook.com/twihistorias
Obrigatório visitar
summercullen.blogs.sapo.pt silvercullen.blogs.sapo.pt burymeinyourheart.blogs.sapo.pt debbieoliveiradiary.blogs.sapo.pt midnighthowl.blogs.sapo.pt blog-da-margarida.blogs.sapo.pt unbreakablelove.blogs.sapo.pt dailydreaming.blogs.sapo.pt/ http://twiwords.blogs.sapo.pt/
Contador
Free counter and web stats
blogs SAPO