22
Ago 12

 

 

 

Capitulo 20

Recém Chegado

- Como assim quem é o Sam? – Perguntei confusa.

 Como e que Emily pode ter esquecido o Sam tão facilmente? É fácil. Não pode. A Emily era a impressão dele. Tanto quanto sei, a impressão natural é o amor verdadeiro na sua forma mais pura. Ela amava o Sam incondicionalmente. Não. Ela ama o Sam incondicionalmente. Achava eu.

- Desculpem. – Começa ela. – Eu não conheço nenhum Sam. Quem é ele?

- Com assim quem é ele? – Explodiu Renesmee. Ela levantou – se gritando. – Ele é o teu noivo. Quer dizer, era. Mas tu devias lembrar – te dele. Um amor assim não se esquece assim do pé para a mão.

 Se eu estava confusa, Renesmee estava revoltada. A última vez que a vi assim, foi há dois anos atrás. Quando aconteceu a tragédia que matou a nossa família.

- Renesmee. Eu não sei quem é esse tal Sam. Não me podes culpar por isso. – Diz Emily já um pouco revoltada.

- Pronto meninas. Vamos sentar-nos e aclamar-nos. – Pedi, tentando acalmar os ânimos.

 Renesmee e Emily, depois de algum tempo a olharem –se fixamente, sentaram –se cada uma em seu canto.

 - Emily. – Começou Renesmee um pouco mais clama. – Tens a certeza que não te lembras quem é o Sam?

 Emily pondera durante um segundo.

- Eu não me lembro de nenhum Sam. Acho que nunca conheci nenhum.

 Isto era tudo muito estranho. Como é que Emily pode ter esquecido o homem que desistiu de tudo por ela? O homem que deu com os pés á sua prima por ela.

- Bella. – Chamou Emily. – Já foste ver o Billy?

 Como é que ela muda de assunto tão facilmente.

- Não.

- Então eu vou telefonar-lhe. – Disse ela com um sorriso, dirigindo-se ao telefone.

 Renesmee olhava para Emily atónita.

- Mãe! – Chamou Renesmee muito baixo.

 Em um segundo pus-me ao lado dela.

- Diz filha.

- O que é que tu achas que se passa com ela?

- Sinceramente não sei.

 Realmente é muito estranho. Ninguém se esquece assim tão facilmente da pessoa que ama. Eu sou bom exemplo disso.

- Se eu não soubesse diria que era magia. – Disse Rennesme. – Talvez o Billy saiba o que se passa com ela.

- Sim. – Concordei um pouco mais entusiasmada. – Talvez os alvos das impressões se esqueçam que era o homem que elas amavam, assim que eles morrem.

 Renesmee ficou a olhar para mim com um ar confuso. Será que o que eu disse é assim tão disparatado?

- Sabes mãe. Eu não acho que seja isso. Pelo menos eu nunca ouvi falar nisso.

 Pois é! Como tu és burra Bella! A Renesmee não esqueceu o Jacob. Apesar de ela não saber, Renesmee era a impressão dele. E ela nunca o esqueceu.

- Pois filha. Tens razão. Vamos esquecer que eu disse isto.

 Enquanto falava com Renesmee, pude ouvir a conversa de Emily com Billy. Pelo o que percebi, ele só podia vir aqui lá para a hora do jantar porque estava á pesca com um dos seus amigos da reserva. E, pelos vistos, ele já sabia que eu e Renesmee estávamos aqui. E quase que aposto que a fonte de tal informação é o meu pai. Há coisas que nunca mudam.

 Passados 5 minutos de conversa que eu não quis ouvir, Emily desliga o telefone.

- Bem. O Billy diz que vos quer ver, mas só pode vir aqui mais logo. – Informou Emily aproximando –se de nós.

- Boa. Já estou cheia de saudades dele. – Disse Renesmee com um sorriso. Até parecia que a cena de á bocado não tinha acontecido.

- Ele também está com muitas saudades tuas minha linda. – Responde Emily com voz de que está a falar com uma criança de 3 anos.

- Emily. Eu já não sou uma criança. – Responde Renesmee claramente irritada.

- Renesmee. Tecnicamente ainda és uma criança. Tens 8 anos. – Disse eu a rir.

- Pois. Mas na prática tenho 17. – Responde ela cruzando os braços.

- Desculpa Renesmee. É que não me consigo habituar ao facto de teres crescido tão rápido. Da última vez que te vi ainda eras uma criança. Além disso, acho que também é o meu lado maternal a falar.

- Querias filhos Emily? – Perguntei. Nunca me tinha apercebido de que Emily queria filhos. 

- Claro que sim. Respondeu ela. – Toda a gente quer filhos.

 Quando eu era humana não queria. Quer dizer… não pensava muito nisso. Mas lembro –me que quando fiquei grávida de Renesmee, o sentimento maternal começou  crescer dentro de mim.

 De repente, Rennesme ficou cabisbaixa.

 Será que Renesmee queria filhos? Nunca tive curiosidade suficiente para lhe perguntar. Até agora, Renesmee, não pode ter filhos.

- Se bem que eu nunca poderei ter filhos. – Disse Emily tristemente.

- Porque? – Pergunto curiosa. Se Emily encontrar um companheiro, tenho a certeza que ela poderá construir uma família.

- Eu precisaria de um companheiro. E acho que neste momento, não consigo arranjar nenhum.

- Querida, estou em casa

 Do lado de fora oiço passos pesados de alguém que acabou de estacionar o carro. A pessoa gritou de longe. Eu ouvi perfeitamente, mas Emily fica na duvida.

- É impressão minha ou algum gritou lá de fora? – Perguntou ela confusa.

- Sim. Disse que já está em casa. E chamou-te querida. – Esclarece Renesmee que ouve tão bem quanto eu.

- Ah! Deve ser o Steve.

- Steve? – Perguntamos eu e Renesmee em uníssono.

- Olá meu amor. – Cumprimenta o recem chegado, depositando um beijo nos lábios de Emily.

 Mas o que mais me impressionou, foi a verdadeira identidade de Steve.

publicado por Twihistorias às 23:58
Fanfics:

3 comentários:
Como é que ela se esqueceu, de um momento para o outro, do Sam? Não é possível!
E quem é este tal de Steve? Fiquei bastante intrigada para saber quem é o verdadeiro Steve!
Sarah a 23 de Agosto de 2012 às 00:17

Que malvadeza!Nos deixar nessa aflição!Quem é o Steve?
Marcela Thomé a 23 de Agosto de 2012 às 01:12

o que será que se anda a passar? e talvez o tal Steve seja o Sam, não? por favor, posta rápido!
tixxa a 23 de Agosto de 2012 às 14:41

Agosto 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9

12
13
15
16

19
20
24
25

26
28


mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
O nosso facebook
facebook.com/twihistorias
Obrigatório visitar
summercullen.blogs.sapo.pt silvercullen.blogs.sapo.pt burymeinyourheart.blogs.sapo.pt debbieoliveiradiary.blogs.sapo.pt midnighthowl.blogs.sapo.pt blog-da-margarida.blogs.sapo.pt unbreakablelove.blogs.sapo.pt dailydreaming.blogs.sapo.pt/ http://twiwords.blogs.sapo.pt/
Contador
Free counter and web stats
blogs SAPO