02
Out 12

Eu nem estava acreditar no que o Edward tinha acabado de dizer. Nem lhe respondi, virei-lhe as costas e sai de casa mas ele veio atrás de mim e agarrou-me no braço.

- LARGA-ME! – gritei furiosa.

- Bella desculpa, eu não queria dizer aquilo.

- Edward não quero falar mais contigo! – disse eu.

- Estás a ser injusta. – disse ele.

- Deixa-me. Tu disseste que não me ias prender aqui, por isso deixa-me ir.

- Não Bella. Nós fizemos um juramento, tu também o fizeste.

- Edward quem és tu para falar de juramento quando quebraste logo a parte mais importante de um casamento, a fieldade? Por isso respeita a minha decisão e deixa-me ir.

- Não. Tu casaste comigo a partir do memento em que disseste “sim” no altar. O teu lugar é ao meu lado.

- Mas vai deixar de ser. Se calhar nunca devia ter casado contigo, se calhar foi um erro. O maior erro que eu já cometi. Eu não deveria ter-me casado tão nova, os casamentos na juventude não dão certo. Eu deveria ter aprendido com a minha mãe.

- Queres mesmo ir-te embora? – perguntou ele com uma dor notável no rosto.

- Quero. Neste momento tu não me fazes feliz. – disse eu.

De seguida tirei a aliança do dedo e atirei-a para o chão, e desatei a correr no meio da floresta, desta vez ele não veio atrás de mim.

 

Edward

O chão tinha acabado de desaparecer debaixo dos meus pés. A Bella acabou de deixar-me, e eu deixei-a ir. Fiquei aqui parado em choque a olhar para a aliança no chão. Apanhei a aliança do chão e voltei para dentro de casa. Quando lá cheguei emprrei a Carla contra a parede. Eu estava com muita raiva.

- Sua desgraçada! Olha o que fizeste! – gritei

- Eu sei. Foi de propósito. – disse ela a rir.

- Eu mato-te desgraçada! Eu mato-te! – voltei a gritar.

- Edward foi para teu bem. Ela não te merece. Tu és perfeito de mais para ela.

Quando me preparava para lhe dar uma grade bofetada senti duas pessoas segurarem-me. Eram o Emmett e a Rosalie.

“ Edward acalma-te!” – pensou a Rosalie.

“ O quê que aconteceu? Onde está a Bella?” – pensou o Emmett.

- A Bella foi-se embora! – gritei desesperado.

- Como assim foi-se embora? – perguntou a Alice confusa.

O Chuck que também já tinha chegado estava sentado no sofá a assistir ao que se estava a passar bastante divertido.

“ Isto está a ser tão divertido! Afinal a minha família não continua assim tão secante como eu pensava.” – pensou o Chuck. Ele estava com um ar de quem se estava a divertir muito com esta situação.

- Esta desgraçada beijou-me e a Bella viu, e agora foi-se embora.

- Fogo! Mas porquê que todas as mulheres ficam caidinhas pelo Edward. Ele é tão feio. – reclamou o Emmett.

- Emmett a mim só me interessa uma mulher e chama-se Bella, e acabou de deixar-me.

- Tio Edward, aprende uma coisa. – disse o Chuck a rir. – As mulheres são como os autocarros, se perdes um apanhas outro.

- Tu cala-te antes que eu te rebente. – gritei completamente exaltado.

- Uh… agora até fiquei com medo de ti. – disse ele no gozo. – Isto ainda é melhor do que eu pensava.

- Chuck, fica quieto no teu canto. – disse a Rosalie.

- Carla – disse a Alice. – Vai-te embora.

publicado por Twihistorias às 22:43
Fanfics:

comentário:
capitulo pequeno mas bem agitadinho!
marcela thomé a 3 de Outubro de 2012 às 00:28

Outubro 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
12
13

15
18
19
20

25
27

30


mais sobre mim

ver perfil

seguir perfil

32 seguidores

pesquisar neste blog
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

O nosso facebook
facebook.com/twihistorias
Obrigatório visitar
summercullen.blogs.sapo.pt silvercullen.blogs.sapo.pt burymeinyourheart.blogs.sapo.pt debbieoliveiradiary.blogs.sapo.pt midnighthowl.blogs.sapo.pt blog-da-margarida.blogs.sapo.pt unbreakablelove.blogs.sapo.pt dailydreaming.blogs.sapo.pt/ http://twiwords.blogs.sapo.pt/
Contador
Free counter and web stats
blogs SAPO