02
Fev 11

ENTREVISTAS COM A ROSE

ROSALIE CULLEN

 

 

NARRADORA: Bella Cullen.

 

E eis o dia em que a Rose se aborreceu porque, segundo ela, já tinha entrevistado três pessoas muito importantes da saga Twilight, mas ainda não entrevistado a mais importante de todas.

Não, não é a Kristen Stewart, até porque ela já veio ao programa.

Segundo ela, a única pessoa que faltava entrevistar era a Nikki Reed.

Eu sei, não é muito normal a Rose querer entrevistar a Nikki Reed, até porque é ela que dá vida à Rosalie Cullen nos filmes, mas é por esse mesmo motivo que ela é tão importante para a Rose da vida real.

 E, vá se lá saber porquê, a Nikki ficou muito feliz por ter sido convidada…

 

NIKKI: Finalmente, pensei que nunca mais me convidavas para o programa, Rosalie.

ROSALIE: Hum.

NIKKI: E depois telefonaste e eu…

ROSALIE: Pois foi.

NIKKI: Rose, passa-se alguma coisa?

ROSALIE: É o Emmett. Desde o programa passado que eu não o vejo.

NIKKI: Oh. Ele desaparece muitas vezes?

ROSALIE: Às vezes, quando há concertos da Hannah Montana perto daqui.

BELLA: Quando há concertos há concertos da Hannah Montana perto e longe daqui.

            JACOB: Normalmente, só quando há concertos da Hannah Montana no planeta Terra.

            ALICE: Mas acho que ele também desaparecia se houvesse concertos da Hannah Montana fora do planeta Terra.

            ROSALIE: Muito provavelmente.

            JASPER: Era o Emmett ao telefone. Ele disse que já estava a chegar.

            ROSALIE: A chegar de onde?

            JASPER: Provavelmente de alguma convenção de fãs da Hannah de alguma parte do mundo.

            ROSALIE: Sim, provavelmente. Vamos começar o programa. Jasper?

            JASPER: Em 3,2,1…

 

            ROSALIE: Bom-dia, querido público! Bem-vindos a mais um episódio do Entrevistas com a Rose! Mais uma semana com a vossa apresentadora fantástica e maravilhosa, Rosalie Cullen!

            NIKKI: E comigo, Nikki Reed!

            ROSALIE: Nikki, aqui a apresentadora sou eu. Enfim, comigo e com a nossa convidada desta semana, Nikki Reed!

            NIKKI: Estou tão contente por estar aqui!

            JACOB: A sério? Acho que és a única.

            TODOS: (excepto a Rose) Hum hum.

EMMETT: Oh meu deus! Oh my god!

ROSALIE: Emmett! Finalmente.

EMMETT: Nicole Reed!

ROSALIE: Tenho a certeza de que esta é a Nikki Reed.

NIKKI: Nikki é um diminutivo de Nicole. Eu prefiro Nikki, se não se importarem.

EMMETT: Porque é que toda a gente tem um diminutivo excepto eu?

ROSALIE: Emmett, isso não é verdade.

EMMETT: Claro que é. O teu diminutivo é Rose; o diminutivo do Jacob é Jake; O diminutivo de Renesmee é Nessie…

BELLA: Infelizmente. O nome dela é Renesmee. Renesmee. Não é assim tão complicado.

EDWARD: Tens toda a razão, estrela mais preciosa, razão da minha existência, flor mais bonita do meu jardim (…)

EMMETT: Até o Edward pode ser o Eddie…

JACOB: Eddie. Adorei.

EDWARD: Não queres voltar a ser a Lassie, pois não?

ROSALIE: Lassie. Soa muito melhor do que Jake.

JACOB: Pois tu vais sempre continuar a ser a loira. Sem ofensa, Nikki.

NIKKI: Não me ofendes. Eu não sou naturalmente loira.

EMMETT: Nem a Rose.

ROSALIE: Emmett!

EMMETT: Ursinha, já não é segredo nenhum.

NIKKI: Mesmo assim, acho que tens um cabelo fantástico, Rose.

ROSALIE: Obrigada. Tu… ah… tu também.

JACOB: Loira, tens que parar com isso.

ROSALIE: Parar com o quê?

JACOB: Parar de elogiar outras pessoas sem ser tu própria.

ROSALIE: Claro. E talvez tu devas parar de correr atrás da tua própria cauda.

EMMETT: Vá lá, parem com isso. Nikki! A entrevista!

ROSALIE: Claro, claro. Bem, Nikki, todos nós sabemos que tiveste um passado muito difícil. No que é que isso condicionou a tua vida?

JACOB: A loira a fazer uma pergunta interessante. Ora, pensei que este dia nunca haveria de chegar.

NIKKI: Sabes, acho que a minha infância e adolescência, apesar de terem sido tempos difíceis, serviram para me tornar mais forte e fazer a pessoa que sou hoje.

ROSALIE: Eu compreendo. Acho que o meu passado também contribuiu para me tornar mais forte.

EMMETT: Eu concordo. A minha infância também foi muito difícil, sabem?

EDWARD: Emmett, o teu passado não foi difícil. A tua vida corria bem até seres atacado pelo urso.

ROSALIE: E a minha vida corria bem até eu ter salvo aquele urso.

JACOB: Emmett, estás a referir-te a tua infância como humano ou há tua infância como vampiro, o que equivale, sei lá, à tua vida praticamente toda?

EMMETT: Ah?

JACOB: Bem me parecia.

ROSALIE: Prosseguindo, já falamos do teu passado, e se prosseguíssemos até ao teu futuro?

NIKKI: Bem, o meu futuro passa neste momento pelas gravações do filme Breaking Dawn, que está a ser gravado agora…

RENESMEE: Como está o Taylor?

NIKKI: Está bem. Conheces o Taylor?

RENESMEE: Sim.

JACOB: Infelizmente.

EMMETT: Então Nikki, deve ser difícil interpretar a Rose no cinema.

            NIKKI: Bem, todas as personagens são difíceis de interpretar, cada uma à sua maneira.

            EMMETT: Mas ela é a Rose. A Rosalie Cullen.

            JACOB: O que o Emmett quer dizer é que tu fazes um óptimo trabalho ao interpretar alguém tão neurótico, insensível e egocêntrico como a Rose.

            ROSALIE: Será que eu não vou acabar este programa sem te arrancar a cauda, cão?

            JACOB: Pelo menos uma coisa a Nikki tem em comum contigo: ambas são naturalmente morenas.

            ROSALIE: Será que o Taylor também é naturalmente estúpido? É que assim tu também tinhas alguma coisa em comum com ele.

            RENESMEE: Hei! Nada de insultos para o Taylor.

            JACOB: Obrigada, Nessie.

            RENESMEE: Ah… e nada de insultos para o Jake também, claro.

            ROSALIE: Vamos continuar com a entrevista. Agora são as Respostas rápidas; tens que responder com a primeira coisa em que pensares.

            NIKKI: Tudo bem.

            ROSALIE: Filme favorito?

            EMMETT: Hannah Montana: o filme!

            NIKKI: Não. Esse deve ser o teu filme favorito.

            ROSALIE: Emmett, a entrevista é da Nikki, não é tua!

            EMMETT: Eu sei. Mas como na vez em que fui entrevistado me deram um guião e eu não pude responder sinceramente, pensei em faze-lo agora.

            NIKKI: Porquê?

            EMMETT: Não sei. Acho que tu me lembras a Rose.

            JACOB: Concordo, principalmente na cor do cabelo.

            ROSALIE: Talvez o Taylor também tenha cauda.

            RENESMEE: Tia!

            ROSALIE: Ok, já sei: nada de insultos para o Taylor.

            JACOB: É tão bom sentir o teu apoio, Nessie.

            BELLA: Re-nes-mee.

            RENESMEE: Tia Rose, e se continuasses com a entrevista?

            ROSALIE: Claro… Nikki, e volto a repetir, só para a Nikki, animal preferido?

            NIKKI: Cavalos.

            EMMETT: Ursos.

            NIKKI: Porquê? Pensava que foi um urso que te tinha quase morto.

            EMMETT: Nikki, tenta perceber, eu…

            ALICE: Não tentes. É impossível.

            JACOB: Pois, isso equivale a uma versão do filme Missão Impossível.

            EMMETT: Como eu estava a tentar dizer antes de ser interrompido, os Cullen não podem ter animais de estimação; por isso o meu animal preferido é o Urso, porque é o sangue de urso de que eu mais gosto.

            ROSALIE: Isso é mentira, Emmett. Nós temos um cão grande como animal de estimação.

            JACOB: Pelo menos a cor do meu pêlo é autêntica.

            NIKKI: Vocês são tão engraçados!

            ROSALIE: Enfim. Uma letra: C?

            NIKKI: Catherine Hardwicke, ela ajudou-me muito.

            EMMETT: Cullens, eles também me ajudam muito.

            ROSALIE: W?

            NIKKI: Ah… W…

            EMMETT: When I look at you!

            ROSALIE: Ah?

            EMMETT: É uma música da minha segunda cantora favorita.

            NIKKI: Miley Cyrus?

            EMMETT: Como é que adivinhaste?

            NIKKI: Também sou fã.

            EMMETT: A sério?

            NIKKI: Não.

            ROSALIE: Eu adoraria ficar aqui o resto do dia a discutir música com vocês os dois… Não, por acaso não gostava.

            JACOB: Concordo com a morena.

            ROSALIE: Mo… Mo quê?

            JACOB: Bem, pensei que como tu não és loira natural não te importavas que eu te chamasse morena.

            ROSALIE: Mo… More… Mo…

            EMMETT: Rose? Rose, ursinha, estás a sentir-te bem?

            ROSALIE: Ele chamou-me mo… more…

            BELLA: Jake, se gostas das tuas quatro patas, é melhor fugires.

            (Jacob sai pela porta fora)

            ROSALIE: Morena!

            (Rosalie vai atrás de Jacob)

            NIKKI: Bem, suponho que a Rose volta para a próxima semana. Eu adorei estar aqui hoje, obrigada a todos os fãs do programa. Até ao próximo…

 

TODOS: ENTREVSITAS COM A ROSE!

publicado por Twihistorias às 23:43

17
Jan 11

ENTREVISTAS COM A ROSE

HANNAH MONTANA

 

 

 

NARRADORA: Bella Cullen.

 

Mais uma semana. Mais um Entrevistas com a Rose.

Começo a perguntar-me quando é que a Rose vai desistir desta ideia estúpida. Suponho que as audiências bastante altas do programa não contribuam para isso…

Enfim, esta semana o Emmett esteve fora por um tempo. Sabem, ter o Emmett por perto não é bom, pois isso é quase sinónimo de confusão. Mas sabem uma coisa? Deixar o Emmett ir a outra cidade sem ninguém por perto pode ser ainda pior…

 

EMMETT: Boa! Boa! FINALMENTE! ENCONTREI-A! ENCONTREI-A!

ROSALIE: Encontraste aquela meia que perdeste nos anos setenta?

EMMETT: Não. Não, ainda não.

ROSALIE: Então, o que é que tu encontraste?

EMMETT: A Hannah Montana!

ROSALIE: Vá lá, Emmett, pára com isso. Já te expliquei que ela não existe.

EMMETT: Ai é? Então porque é que ela está aqui mesmo?

(Entra a Hannah Montana)

RENESMEE: Miley!

HANNAH: É Hannah, não Miley. Hannah. Mas porque é que nunca ninguém percebe?

BELLA: Eu sofro o mesmo problema com o nome da minha filha. É Renesmee, não Nessie. Renesmee.

ROSALIE: Interessante. Emmett, como é que convenceste a Miley a fazer de Hannah?

EMMETT: Eu não convenci ninguém a fazer nada. Ursinha, lembras-te quando eu disse que ia a Port Angeles?

ROSALIE: Sim…

EMMETT: Bem, talvez eu me tenha enganado um pouco no nome da cidade…

ROSALIE: Tu foste até LOS ANGELES?

EMMETT: Bem, sim. Mas estava muito nublado nesse dia, por isso não houve qualquer problema.

ROSALIE: Emmett!

EMMETT: Não te zangues, ursinha. Eu segui apenas algumas pistas que fui recolhendo e encontrei a verdadeira Hannah.

HANNAH: Pois, ele encontrou-me.

ROSALIE: Emmett! Hannah! Emmett…

EMMETT: Também estou feliz por te ver docinho, paixão, amor da minha vida. Agora vamos lá começar a entrevista! Jasper, dá inicio ao programa!

ROSALIE: Mas eu… eu não vou…

JASPER: Em 3,2,1… Acção!

 

ROSALIE: Bom-dia. Devo dizer que hoje estou aqui contrariada e extremamente zangada.

JACOB: Resumindo, estás quase normal.

ROSALIE: Cão, vai perseguir a cauda para outro lado, está bem? Connosco, Hannah Montana.

HANNAH: É bom ser tão bem recebida. E falo apenas em relação ao Emmett e ao Jasper.

RENESMEE: Então e eu?

HANNAH: Claro, tu também me recebeste muito bem querida.

RENESMEE: Bonita!

ROSALIE: Hannah, desculpa mas eu não posso resistir a isto.

(Rosalie puxa o cabelo da Hannah)

HANNAH: Ai! O que é que estás a tentar fazer?

ROSALIE: A peruca está muito bem presa.

HANNAH: Pela última vez: não é uma peruca. Eu sou mesmo a Hannah Montana, não a Miley Cyrus.

EMMETT: Isto é um sonho tornado realidade. Hannah, explica aos telespectadores o que me explicaste a mim.

HANNAH: Eu sou a pessoa por detrás da série Hannah Montana. Quase como vocês são os verdadeiros personagens da série Twilight.

            RENESMEE: Arrebatadora.

ROSALIE: Então tu existes mesmo?

HANNAH: Claro, assim como tu existes mesmo.

ROSALIE: Então a minha Nikki Reed é como a tua Miley Cyrus?

HANNAH: Ah… sim, mais ao menos isso.

ROSALIE: Bem, isto vai subir as audiências. Então, como é que o Emmett te convenceu a vires ao programa?

HANNAH: Ele disse que eu devia revelar a minha verdadeira identidade ao mundo e eu achei que ele tinha razão.

ALICE: O Emmett a ter razão em alguma coisa. Inédito.

EMMETT: Hei, eu descobri a verdadeira Hannah. Isso vale alguma coisa, não?

JACOB: Não. Nunca ninguém acredita em nada do que dizemos aqui.

EMMETT: Chiu. Ela não sabe disso.

ROSALIE: Então, Hannah, já conhecias a nossa família Cullen antes do programa?

HANNAH: A família Cullen da Stephenie Meyer ou vocês?

ROSALIE: É a mesma.

HANNAH: Já tinha visto um filme sobre vocês, mas para ser sincera não gostei muito.

RENESMEE: Encantadora!

EMMETT: Porquê?

HANNAH: Não gosto de vampiros.

ROSALIE: Toda a gente gosta de vampiros. Eles são o chocolate do século vinte e um.

HANNAH: Vocês brilham ao sol. Não faz sentido.

ROSALIE: Tu tens um nome que rima com o teu sobrenome. Isso também não faz sentido.

EMMETT: Ah? (o Emmett nunca foi bom com rimas/gramática em geral)

HANNAH: Como assim?

ROSALIE: Hannah Montana! Ele não é Emmett Bennett, ou algo assim. Ou um nome que rima com um estado! Como… Rosalie Kentuchy.

EMMETT: Rosalie Kentuchy! Amei!

HANNAH: Hum hum, tem personalidade. Podes bem vir a ser a próxima estrela pop.

EMMETT: Acabei de inventar o nome do teu primeiro single: “You get the best of both bloods” Tem personalidade, não tem?

JACOB: Não, é apenas ridículo.

ROSALIE: Tu tens apenas ciúmes por não existir nenhum estado que rime com Jacob. Mas podes sempre procurar um que rime com cão…

RENESMEE: Predilecta!

JACOB: Mas tu e a Hannah têm outra coisa em comum: Ambas são naturalmente não-loiras.

EMMETT: Que disparate, Jacob. A Hannah é naturalmente loira.

HANNAH: Pois sou.

ROSALIE: Emmett!

EMMETT: Mas docinho, paixão, amor da minha vida, todos os espectadores já perceberam que tu pintas o cabelo.

ROSALIE: Mas eu… eu…

JACOB: Especialmente porque quando eu verifiquei a embalagem de tinta que te ofereci no Natal, ela já estava vazia.

ROSALIE: Ah… Bem, temos que prosseguir. Hannah, estas são as “Respostas rápidas.” Tens que responder com a primeira coisa que te surgir.

HANNAH: Está bem.  

ROSALIE: A coisa que mais gostas de fazer.

HANNAH: Cantar, compor músicas…

ROSALIE: Um lugar?

HANNAH: Essa é fácil: Montana!

ROSALIE: Aquilo que sempre sonhaste fazer mas nunca tiveste oportunidade.

HANNAH: Dizer ao mundo: Eu sou a Hannah Montana!

ROSALIE: Acabaste de dizê-lo.

HANNAH: Tens razão!

ROSALIE: Uma letra. E?

HANNAH: Emmett, porque me ajudou a revelar ao mundo o meu maior segredo.

EMMETT: Eu também te adoro!

ROSALIE: M?

HANNAH: Miley.

ROSALIE: Pensava que odiavas a Miley por te roubar o protagonismo e assim.

HANNAH: Eu não a odeio. Mas também não gosto especificamente dela. Diz-me uma coisa Rosalie, tu odeias a Nikki Reed?

ROSALIE: Eu…

JACOB: Excepto a Nessie, ela odeia toda a gente.

EMMETT: Então e eu?

ROSALIE: Enfim. Chegamos ao fim do programa. Há alguma coisa que queiras dizer?

HANNAH: Obrigada mundo! Vocês são os melhores, os fãs mais dedicados de todos!

ROSALIE: Voltámos para a próxima semana. Muito obrigada por assistirem a mais um programa e até ao próximo…

 

TODOS: ENTREVISTAS COM A ROSE!

 

Opções para a próxima semana:

1) Nikki Reed
2) Jasper Cullen
3) Bella Cullen

 

Votações terminam no dia 19 de Janeiro

À semelhança da semana passada, as votaçoes sao realizadas apenas no facebook ;)

 

publicado por Twihistorias às 20:00

12
Jan 11

Para evitar batotas, a partir de hoje, as votações só serão contabilizadas no facebook, para haver um maior controlo com as votações. Não queremos acusar ninguém, mas por vezes parece estranho, ao fim de alguns dias de o capitulo estar publicado, aparecer 4 a 5 comentarios na mesma opção, de pessoas diferentes e num tempo que nem de 1 minuto difere. Pedimos desde já desculpa se estámos a ser injustas, mas a partir de agora é assim!!

Se ainda não nos adicionas-te o nosso facebook é: www.facebook.com/twihistorias

Obrigado ;)

A equipa do Twihistórias!

 

ENTREVISTAS COM A ROSE

JANE E ALEC VOLTURI

 

NARRADORA: Bella Cullen.

 

Se alguém ainda alimentava esperanças (tradução = eu) de, algum dia, o programa ser minimamente normal, é melhor perdê-las já.

Acho que o facto de sermos uma família de oito vampiros, uma semi-vampira e um lobisomem não contribui muito para a normalidade.

E foi assim que tudo começou…

 

ROSALIE E EMMETT: Cão, cala-te.

JACOB: Isto não vale. Eu sou desprezado nesta família.

ROSALIE: Isso é porque nunca ninguém ouve os animais de estimação.

RENESMEE: Mas Jake, eu amo-te.

TODOS: *o*

EDWARD: O quê?

ROSALIE: NÃO!

JACOB: Boa! A minha vida faz sentido agora!

RENESMEE: É claro que eu te amo. Tu és o meu melhor amigo, Jake.

ROSALIE: Oh meu deus, porquê?

JACOB: Bem, já não é mau para começar.

EDWARD: Para começar?

ROSALIE: O meu coração está despedaçado.

EMMETT: Da última vez que ela disse isto foi quando eu a deixei para ir procurar o Edward ao Rio de Janeiro.

ROSALIE: Pois foi. Porque tu trocaste as malas e levaste todas as minhas roupas para o Rio. E não foste procurar o Edward; foste ver um concerto da Hannah Montana.

EMMETT: A sério? Sempre pensei que ficaste despedaçada por eu te ter deixado sozinha.

ROSALIE: Emmett, tu também pensas que a Hannah Montana existe.

EMMETT: E não digas o contrário!

ROSALIE: Pronto, agora vou ter que procurar um entrevistado que odeie suficientemente o cão para o meu dia ficar mais feliz.

JACOB: Isso vai ser difícil; eu sou adorável, loira.

ROSALIE. Alguém que possa causar dor…

EMMETT: Jane….

ROSALIE: Hum… Talvez mais do que uma pessoa…

EMMETT: Alec…

ROSALIE: Emmett, é isso mesmo! Jane e Alec! És um génio!

EMMETT: Ai sou?

JACOB: Não, ela está só a dizer por dizer.

ROSALIE: Odeio mesmo ter que dizer isto, mas o cão tem razão.

 

JASPER: Em 3,2,1… Acção!

ROSALIE: Bom-dia, querido Portugal e restante planeta Terra! Hoje, temos não um mas sim dois convidados! Eles são um pack completo… dois pelo preço de um! Os gémeos mais malévolos que o mundo já viu! Os irmãos mais sombrios que…

JANE: Pensava que supostamente devias ser simpática com os convidados nesta história.

ROSALIE: Não, estás enganada. Se o objectivo era eu ser mais simpática, porque é que colocaram um cão gigante nesta história?

ALEC: Bem pensado.

ROSALIE: Connosco, Jane e Alec Volturi!

JANE E ALEC: Olá.

ROSALIE: Então, como vai a crueldade em Itália?

JANE: Vai bem, obrigada.

EMMETT: Vocês não deviam ser sei lá… maus, cruéis?

ALEC: Não, isso é só para manter a ordem. Nós somos pessoas… bastante aceitáveis.

JANE: Sim, pois somos.

ALEC: Até aceitamos o teu convite para o programa.

ROSALIE: Eu só vos convidei porque a minha ex-sobrinha preferida disse que amava o cão.

RENESMEE: Tia, eu sou a tua única sobrinha. Logo sou a tua sobrinha preferida de qualquer das formas.

ROSALIE: Não interessa. O que é que aconteceu à ideia do Taylor Lautner?

RENESMEE: Ele tem namorada. Lily qualquer coisa. Lily… Não sei porquê, mas odeio esse nome.

ALEC: Eu conheci uma Lily. Quando éramos humanos.

JANE: Sim, mas eu acho que tu a cegaste sem querer.

ALEC: Sim, pois foi.

EMMETT: Só por acaso… Vocês não vão usar esses dons em nós, pois não?

JANE: É claro que não. Nós só os usamos em pessoas de quem não gostámos

ALEC: O que equivale praticamente a todo o mundo. Mas não se preocupem, nós adoramos o programa

ROSALIE: Não sabia que vocês os dois também eram fãs do programa.

ALEC: Mas também que não é?

(todos os Cullen levantam o braço no ar, excepto Emmett e Rosalie)

EMMETT: O que foi? Eu gosto do programa. Este é o único lugar onde eu posso cantar Lady Gaga sem parecer ridículo.

EDWARD: Mas tu pareces ridículo.

EMMETT: Obrigadinho, mano. Eu também não digo nada à Bella sobre a Tanya, pois não?

BELLA: A Tanya o quê?

EDWARD: Nada, minha estrela mais preciosa, a razão da minha existência, a flor mais bonita do meu jardim (…)

BELLA: Falámos sobre isto mais tarde.

RENESMEE: Tio, eu acho que tu és assim por causa da tua infância.

EMMETT: A culpa é do urso! (pensa um pouco) Assim como?

RENESMEE: Ah…

ROSALIE: Tu sabes. Assim como uma criança grande.

EMMETT: Eu não sou assim. Pronto, eu sou assim. Mas acho isso que se deve ao facto de a minha mãe nunca me ter cantado músicas da Hannah Montana antes de eu ir dormir.

ALEC: Emmett, no tempo em que eras humano a Hannah Montana não existia.

EMMETT: Que disparate, não me estou a referir à minha mãe humana. A Esme fez-me isso ontem à noite.

ESME: É melhor esperares sentado de esperas que eu te cante Hannah Montana antes de ires dormir.

ALEC: Mas os vampiros nem dormem.

JANE: Nem ficam cansados.

ESME: Esperem até passarem algum tempo com o Emmett.

ROSALIE: Isto é o Entrevistas com a Rose, lembram-se? Comigo, a entrevistadora, Rosalie Cullen? Enfim, vamos continuar.

ALICE: Eu! Eu tenho uma pergunta!

ROSALIE: (suspira) Diz lá.

ALICE: Bem, esta pergunta é sobre o vosso estilo. Vocês não acham que esse vestuário predominantemente de cor preta é um pouco cliché? Não que eu tenha nada contra a cor preta, aliás eu adoro vestir a Bella de preto… De preto, de cor-de-rosa, de vermelho, de azul, de cinzento, de castanho…

BELLA: Já percebemos a ideia, Alice: tu adoras fazer de mim a tua barbie gigante.

JANE: Para responder à pergunta da Alice, os Volturi mudam o estilo a cada década. Esta foi a década dedicada ao estilo Emo.

ALEC: Sim, nós mudamos de estilo a cada dez anos. Deviam ter visto a década de oitenta: hippies.

ALICE: Eu simplesmente a-do-rei essa ideia! Bella, vou já preparar o teu vestuário no próximo século!

BELLA: Estou tão entusiasmada.

EMMETT: Posso dar algumas dicas de estilo para esta década?

JANE: Desde que isso não inclua usar uma peruca loira falsa…

ALEC: Ou mudar o nosso nome para Montanas….

EMMETT: Não, não estava a pensar em nada disso. (pensa um pouco) Mas vocês tiveram ideias muito melhores!

ROSALIE: Enfim. Jane, Alec, chegou a hora das Respostas Rápidas. Respondam com a primeira coisa que vos vier à cabeça, sim?

EMMETT: Porque é que eu nunca posso dizer a primeira coisa que me vem à cabeça?

JACOB: Porque da última vez que fizeste isso… espera aí, tu fazes sempre isso.

EMMETT: É um facto.

ROSALIE: Jane, comida preferida?

ALEC: Oh, essa é fácil. Ela prefere a comida chinesa.

ROSALIE: Ah… Interessante. Então Alec, o que é que mais gostas de fazer nos tempos livres?

JANE: Oh, isso é óbvio. Ele gosta de praticar o dom dele. Vocês sabem, incapacitar humanos para toda a vida ou assim.

EMMETT: Isso é tão…

ROSALIE: Tão… normal. Jane, uma letra. D?

ALEC: D… Talvez dor.

ROSALIE: Mas porque é que vocês insistem em responder um na vez do outro?

JANE: Tu sabes… coisas de gémeos.

EMMETT: Eu adorava ter um irmão gémeo.

TODOS: Não!

ROSALIE: Não sei o que faria se existisse dois Emmetts em vez de um.

JACOB: Um Emmett já é demasiado.

ROSALIE: Lamento informar, mas o nosso tempo já chegou ao fim. Foi muito bom termos hoje no programa estes gémeos tão… tão normais.

JANE: Pois, como podem ver nós somos pessoas como todas as outras.

EMMETT: (murmurando) Até eu sou mais normal do que eles. E eu sou tudo menos normal.

ROSALIE: Pois. Bem, o nosso tempo chegou ao fim.

ALEC: Oh não!

JANE: Já? Mas eu ainda nem torturei ninguém no programa.

ALEC: E eu ainda nem incapacitei nenhum humano hoje.

ROSALIE: Oh, não há problema. Temos aqui um certo animal/humano que onde podem os dois treinar.

JANE E ALEC: Onde?

(Jacob foge o mais rápido que pode)

ROSALIE: A isto é que se chama fugir com o rabo entre as pernas. Enfim, voltamos para a semana. Ainda tenho esperanças de o cão não voltar até ao próximo…

 

TODOS: ENTREVISTAS COM A ROSE!

 

Opçoes para a proxima semana:
1) Bella Cullen
2) Hannah Montana
3) Jasper Cullen

 

As votações terminam dia 15 de janeiro

 

Podes comentar aqui, mas as votaçoes aqui não serão contabilizadas. Obrigado ;)

publicado por Twihistorias às 19:11

07
Jan 11

ENTREVISTAS COM A ROSE

RENESMEE CULLEN

                                                                                           

 

            NARRADORA: Bella Cullen.

 

ROSALIE: Não acredito! O Barack Obama teve outro acidente de viação? Mesmo antes do meu programa?

            SENHORA AO TELEFONE: Ele, hum, tem muitos acidentes.

            ROSALIE: Não me diga.

            SENHORA AO TELEFONE: Lamento, mas o presidente não poderá comparecer no seu programa.

            ROSALIE: E agora? O que é que eu faço?

            SENHORA AO TELEFONE: Porque não fazer a entrevista com a Lady Gaga?

            ROSALIE: Não posso, ela foi em digressão pela Europa. Mas a senhora também vê o meu programa?

            SENHORA: Claro, toda a casa branca vê. A propósito, adoro o Jacob.

            ROSALIE:

            SENHORA AO TELEFONE: Estou? Estou? (bip… bip… bip)

           

            (…)

 

RENESMEE: Tia Rose, viste a peruca loira da Hannah Montana? O tio Emmett está a chorar há horas porque diz que não sabe da peruca. Tia?

            ROSALIE: Diz ao Emmett para procurar no armário das coisas ridículas. Ou seja, no armário dele.

            RENESMEE: Tia, passa-se alguma coisa?

            ROSALIE: Não. Sim. Não tenho nenhum convidado para hoje.

            RENESMEE: Talvez eu possa ajudar.

            ROSALIE: Obrigada querida, mas não acho que tenhas o número do Justin Bieber, pois não? É que ele é a única hipótese para o programa.

            JASPER: Baby, baby, baby, oh…

            ROSALIE: Não sabia que o Jasper ouvia Justin Bieber.

RENESMEE: Mas tia, eu conheço alguém que pode ir ao programa.

            ROSALIE: Beyoncé? Michael Jackson? Por favor, não digas Taylor Lautner outra vez.

            RENESMEE: Eu estava a pensar em alguém mais pequeno…

            ROSALIE: Ah… Não estou a ver. Talvez a Mackenzie Foy?

            RENESMEE: Eu, tia Rose! Por favor, por favor, por favor!

            ROSALIE: Ah… Bem… Acho que se os teus pais não se importarem… Acho que pode ser.

            RENESMEE: Boa!

            JASPER: Let me tell you one time, I'm a tell you one time…

 

JASPER: Em 3, 2, 1… Acção!  

            ROSALIE: Bom-dia, queridos fãs portugueses e restante mundo! Tenho o prazer de anunciar que hoje temos uma pequena convidada muito especial. Ela a sobrinha mais linda do mundo, a menina mais querida da tia, a coisinha mas fofinha que alguém já viu, o orgulho de toda a família …

RENESMEE: Tia, acho que todos já percebemos a ideia.

ROSALIE: Renesmee Carlie Cullen!

(aplausos de todos os Cullen e Jacob)

            RENESMEE: Obrigada, tia.

            ROSALIE: O meu pequeno grande orgulho. Então, Nessie, vamos começar com a entrevista. Então, como é a tua vida com todos estes vampiros?

            JACOB: Então e eu, loira?

            ROSALIE: Pronto, com vampiros e um animal de estimação.

            ROSALIE: É bom, eu acho. Gosto muito de todos; gosto de cantar Hannah Montana com o tio Emmett, de limpar a casa com a avó Esme, ler livros com o tio Jasper, vestir barbies com a tia Alice, brincar com a mamá, passear com o Jacob, tocar piano com o papá, aprender medicina com o avó Carlisle e elogiar a minha tia Rosalie.

            ROSALIE: Engraçado. Nunca vi o Jasper a ler livros contigo. Talvez ele te conte todas as histórias da guerra civil e assim…

            RENESMEE: Não! Eu e o tio Jasper costumámos ler livros sobre o Justin Bieber e assim.

            EMMETT: O Jasper nunca fez isso comigo.

            RENESMEE: Ler livros, tio Emmett?

            EMMETT: Não! Falar sobre o Justin Bieber.

            JASPER: Isso é porque tu nunca discutiste Hannah Montana comigo.

            EMMETT: Ah… Bem, é justo.

            ROSALIE: Então, minha querida, já pensaste o que vais fazer do teu futuro?

            RENESMEE: Eu tenho muitas ideias. Quero ser médica, escritora, enfermeira, arquitecta, professora, educadora de infância….

            ROSALIE: Bem, acho que pelo menos vais dar mais utilidade à imortalidade do que o Emmett.

            EMMETT: Eu já tive algumas profissões.

            ROSALIE: Emmett, fazer animações vestido de Urso no canal Panda não conta.

            EMMETT: Porque não? É um trabalho remurenado. E eu identificava-me com aquele urso em muitos aspectos. E era um panda, e não um urso qualquer.

            RENESMEE: É renumerado, tio Emmett.

            EMMETT: Bem, eu nem sei o que isso significa. 

            ROSALIE: Eu sempre sonhei perguntar isto: Nessie, quem é o mais bonito? Edward ou Jacob?

            EMMETT: Rose, até eu vejo que fazer a criança escolher entre o pai e o futuro marido é injusto. Mas Nessie, toda a gente sabe que o mais bonito é o Emmett.

            RENESMEE: Tio, não entendi. O Jacob não é o meu futuro marido.

            JACOB: Não sou?

ROSALIE: Não é? Boa! Boa!

            RENESMEE: Bem, o papá disse que eu podia escolher quem eu quisesse para casar quando eu crescesse.

            EDWARD: Querida, isso foi a tua mãe que disse. Eu apenas disse que tu NUNCA deverias casar nem fazer as coisas que só as pessoas casadas fazem.

            RENESMEE: Mas o tio Emmett vai transformar o amor da minha vida.

            EDWARD E JACOB: O quê?

            RENESMEE: Quando as filmagens de Breaking Dawn acabarem, o tio Emmett e eu vamos viajar até Los Angeles. O tio Emmett vai raptar e transformar o Taylor Lautner em vampiro para mim. Depois, quando eu crescer, vamos casar e passar a Lua-de-mel na Ilha Esme. A mamã disse que se podiam fazer coisas muito divertidas na ilha Esme. Até de noite.

            JACOB: A Nessie e o Taylor Lautner? Mas eu sou muito mais bonito do que ele! E engraçado! E…

            ROSALIE: Eu a-do-rei. Cão, se precisares de ajuda para fazeres as tuas malas, eu ajudo.

            EMMETT: Hum. O que é que os teus pais faziam de noite na ilha Esme, ah?

            BELLA: O que o Edward e eu fazíamos na Ilha Esme não é da tua conta.

            EDWARD: Mas porque é que o Emmett te vai ajudar nesse teu plano?

            RENESMEE: Porque assim o tio Emmett tem uma desculpa para ir até Los Angeles e transformar a Hannah Montana em vampira.

            ROSALIE: Como?

            JACOB: Aposto que o plano já não te parece tão bom agora, loira.

            EDWARD: Renesmee, querida, até tu sabes que a Hannah não existe.

            RENESMEE: Eu sei disso. Mas o tio Emmett não.

            JACOB: Como é que a Nessie está a ficar tão parecida com a loira?

            ROSALIE: O meu orgulho.

            EDWARD: Nessie, não gosto nada desse teu plano.

            BELLA: É Re-nes-mee. Mas porque é que eu não lhe dei um nome mais simples? Talvez Emma… Ou Sarah…

            EMMETT: Para que todos saibam, eu ainda sugeri Hannah.

            BELLA: Claro. E depois sugeriste que o apelido dela fosse o nome de um estado norte-americano. E que coincidência… Disseste Montana.

            EMMETT: Hannah Montana. Soa bem melhor do que Renesmee Carlie Cullen, não é?

            TODOS: Não!

            ROSALIE: Enfim, vou ter que passar para as Respostas Rápidas. Só para que saibas Emmett, estou muito zangada contigo.

            EMMETT: Então já não posso ir a Los Angeles?

            RENESMEE: O tio emmett já não pode transformar o Taylor?

            ROSALIE: Não e não. Emmett, ai de ti se vais a Los Angeles. E Nessie, o teu Emmett não vai transformar o Taylor; eu mesma o vou transformar.

            RENESMEE: Boa!

            ROSALIE: O amor verdadeiro é tão lindo. Nessie, actor preferido?

            JACOB: Isso é uma provocação?

            RENESMEE: Taylor Lautner.

            ROSALIE: Um filme?

            RENESMEE: Todos os que o Taylor faz.

            JACOB: Ok loira, isto já passou de provocação a guerra aberta.

            ROSALIE: Uma palavra que descreva o Taylor?

            JACOB: Morto?

            RENESMEE: Jacob, não se pode magoar humanos. É proibido.

            JACOB: E no entanto tu queres transformá-lo em vampiro.

            RENESMEE: Mas não sou eu quem o vai magoar. É a tia Rose.

            JACOB: Bem pensado.

            ROSALIE: Uma letra. T?

            RENESMEE: Tanya.

            BELLA: O que é que o teu pai te disse sobre a Tanya?

            RENESMEE: Ah… Que ela era uma amiga antiga do papá?

            BELLA: Hum.

            EDWARD: Uma amiga muito antiga. Muito antiga. Antiquíssima.

            ROSALIE: Não te ocorre mais nada com a letra T?

            RENESMEE: Não estou a ver.

            JACOB: Taylor. Taylor Lautner.

            RENESMEE: Sim, Taylor Lautner. Obrigada, Jake. Tu podias ser o padrinho do nosso casamento. E a tia Rose podia ser a madrinha.

            ROSALIE: Aceito!

            JACOB: Preferia pintar o meu próprio cabelo de loiro.

            ROSALIE: Hum. Talvez isso não seja uma má ideia. Bem, eu tenho que ir para Los Angeles. Voltamos para a semana, no próximo…

            RENESMEE: Boa!

            JACOB: Não! Ninguém vê o disparate que isto é?

            (todos fingem que não ouvem o Jacob)

 

            TODOS: Entrevistas com a Rose!

 

Próximo capitulo de Entrevistas com a Rose:

1) Jane e Alec Volturi;
2) Bella Cullen;
3) Jasper Cullen;

publicado por Twihistorias às 20:00

29
Dez 10

ENTREVISTAS COM A ROSE

EDWARD CULLEN

 

 

NARRADORA: Bella Cullen.

 

Não sei porque é que ainda alimento esperanças sobre termos um programa normal. Hoje, por motivos que eu desconheço, o Edward queria ser o entrevistado da Rosalie. Acho que ele ainda está com ciúmes em relação ao Robert Pattinson que esteve no programa há algumas semanas. Porém, o Edward insiste em querer aumentar a sua popularidade.

Como se o Edward Cullen ainda não fosse famoso o suficiente.

           

 

EDWARD: Por favor, por favor, por favor Rosalie!

ROSALIE: Não, não e não!

JACOB: O que é que se passa? Deixa-me adivinhar: o Edward está a implorar-te para mudares a tinta da cor do teu cabelo?

EDWARD E ROSALIE: Cala-te Jacob!

JACOB: Hei, não sabia que os vampiros podiam ficar tão mal - humorados. No entanto, sou capaz de perceber a loira; se fosse obrigado a olhar todos os dias ao espelho e ver aquela imagem…

ROSALIE: Cão! Mas porque é que ninguém dá uso à trela que eu, delicadamente, pedi à Alice para te oferecer no Natal?

JACOB: Já eu não me posso queixar do mesmo; parece que tu deste utilidade à tinta de cabelo que eu te ofereci.

EDWARD: Jacob, vai embora antes que seja eu mesmo a arrancar-te uma pata. Rosalie, é só um favorzinho pequenino. Por favor!

ROSALIE: Mas desde quando é que tu me fazes favores a mim?

EDWARD: Isso não é verdade. Lembras-te daquela vez em que eu… pronto, não cumpri a promessa. Mas daquela vez em que… Rose, vá lá.

ROSALIE: E depois eu é que sou a loira com mau-humor. Está bem Edward, podes ser o entrevistado de hoje. Pelo menos já posso mandar a Lady Gaga embora e livro-me da interpretação da música Bad Romance do Emmett.

EMMETT: (vestido de Lady Gaga e a cantar)

“I want your love and
I want your revenge
You and me could write a bad romance
(Oh-oh-oh--oh-oooh!)
I want your love and
All your lover's revenge
You and me could write a bad romance”

 

EDWARD: Podia ser pior. Pelo menos ele não está a usar o vestido feito de carne.

ROSALIE: Pois, acho que tens razão.

 

 

JASPER: Em 3,2,1… Acção!

ROSALIE: Bom-dia, querido público, a mais um fantástico programa do Entrevistas com a Rose! Sempre com a melhor apresentadora, a mais bonita e perfeita vampira, Rosalie Cullen!

EDWARD: Pensava que supostamente não devíamos revelar aqui a nossa identidade.

ROSALIE: Já ninguém leva a sério o que se diz aqui, Edward. Devias estar mais atento.

RENESMEE: Talentosa!

ROSALIE: Finalmente! Uma semana em que a Nessie cumpre a sua função e me dá elogios a cada dois minutos.

EDWARD: Rosalie, e se continuasses com a entrevista?

ROSALIE: Claro. Hoje, connosco, Edward Cullen.

EDWARD: Não podias apresentar-me de forma diferente? Como, sei lá: o meu querido, maravilhoso, multi-talentoso e inteligente…

ROSALIE: Edward, o que é que isso interessa?

EMMETT: Porque é que é ele o convidado? A Lady Gaga até já estava aqui e tudo…

LADY GAGA: Eu ainda aqui estou.

EDWARD: Pois, isso é uma questão que eu ainda tenho. Porque é que ela ainda aqui está?

EMMETT: Para o nosso momento musical.

EDWARD: Este programa não tem um momento musical.

EMMETT: A partir de hoje tem.

EDWARD: Rosalie, porque é que eu não posso fazer o momento musical? Eu podia compor uma bonita canção de embalar com três horas de duração e dedicá-la à Bella…

ROSALIE: É por isso mesmo que não podes fazer o momento musical. Não queremos correr o risco de sermos os primeiros vampiros a adormecer.

RENESMEE: Verdadeira!

EDWARD: Nessie!

BELLA: O nome dela é Renesmee, Edward. Re-nes-mee.

EDWARD: Peço desculpa, estrela mais preciosa, razão da minha existência, flor mais bonita do meu jardim (…)

ROSALIE: Vou começar com a entrevista. Edward! Atenção, por favor.

EDWARD: Eu estou atento.

ROSALIE: Começo então pela única pergunta realmente interessante que te posso fazer: o que é que se passou no Alasca, muito antes de a Bella ter nascido, contigo e a Tanya?

EDWARD: Ah… não se passou nada, Rosalie.

LADY GAGA: Até eu percebo que ele está a mentir.

EMMETT: Tens que dizer isso a cantar; és a nossa convidada musical, Gaga.

LADY GAGA: (suspira e diz com o ritmo da musica Bad Romance)

Até eu percebo

que ele está a mentir,

tu e ela podiam escrever um bad romance

Oh-oh-oh--oh-oooh!

 

EMMETT: Ainda bem que eu tive a fantástica ideia de te convidar para o programa.

LADY GAGA: Só ainda não percebo como é que eu aceitei o convite.

ROSALIE: Ah… Depois deste momento, ah… musical, podias responder Edward?

EDWARD: Pronto, eu respondo: a Tanya estava interessada em mim, mas eu não retribui o interesse, por isso ficamos a ser apenas bons amigos. Não aconteceu mais nada, Rosalie. Nem é uma história assim tão interessante.

ROSALIE: Seria interessante se disesses o que realmente aconteceu.

BELLA: Rosalie, vamos mudar de assunto, por favor.

ROSALIE: Não quero ser má nem nada, mas nenhuma das perguntas que aqui tenho te vai agradar muito.

JACOB: É claro que queres ser má. Tu és a Rosalie Cullen; loira, má e indelicada.

ROSALIE: Pronto; talvez eu seja um pouco assim.

RENESMEE: Sincera!

JACOB: Devíamos mudar este dia para o dia dos milagres. A Rosalie Cullen admitiu que tinha um defeito!

ROSALIE: E se mudássemos o dia para o dia de abate a cachorrinhos gigantes, cão?

EDWARD: Rosalie, a entrevista.

ROSALIE: Claro. Então Edward, o que achas da impressão que o cão tem com a minha sobrinha linda?

EDWARD: Tenho mesmo que comentar sobre isso?

JACOB: Não, não tens.

LADY GAGA: O que é impressão?

EMMETT: Eu explico. Música por favor! (e começa a cantar com o ritmo da música Alejandro)

            “Impressão natural

            Impressão natural

            Jacob

            Ela era um bebé,

            Ela era um bebé,

            Renesmee

            Agora quer beijá-la

            Agora quer tocá-la

            E ficar com ela para sempre

 

             Alejandro, Alejandro

            Ale-Alejandro, Ale-Alejand-ro”

 

RENESMEE: Surpreendente.

ROSALIE: Isto foi tão…

JACOB: Deprimente?

EDWARD: Assustador?

LADY GAGA: Eu adorei! Acho que o Emmett vai ter um óptimo papel no meu próximo videoclip.

EMMETT: A sério? O-bri-ga-do!

ROSALIE: Ela também gosta de usar vestidos feitos de carne, por isso…

EMMETT: Vou gravar um videoclip com a Lady Gaga! A Lady Gaga!

ROSALIE: Como o tempo já está a esgotar, teremos de passar às perguntas rápidas. Preparado?

EDWARD: Sim!

ROSALIE: Pessoa preferida no mundo.

EDWARD: Eu amo profundamente muitas pessoas. A minha adorada Bella, a minha filha Renesmee, a minha família: o Carlisle, a Esme, a Alice, o Jasper, o Emmett, tu e até o Jacob…

ROSALIE: Edward, isto são as respostas rápidas. Música preferida?

EDWARD: Isso é difícil. Talvez Debussy, com Clair de Lune.

ROSALIE: Eu desisto. Tu arruínas todas as perguntas e transforma-las em algo não divertido.

RENESMEE: Honesta.

EDWARD: Nessie!

BELLA: É Renesmee.

ROSALIE: Pronto, vamos terminar com a entrevista de hoje. Apesar de tudo muito obrigada ao Edward Cullen, que nos livrou a todos a uma entrevista em forma de musical com a Lady Gaga. Voltamos para a próxima semana, com mais um…

LADY GAGA: Eu até gostei, apesar de tudo.

EMMETT: Ale-Alejandro, Ale-Alejandro…

 

 

TODOS: ENTREVSITAS COM A ROSE!

 

As opções  para o próximo capítulo:
1) Jane e Alec Volturi
2) Renesmee Cullen
3) Jasper Cullen

publicado por Twihistorias às 20:00

25
Dez 10

 

 

 

ESPECIAL DE NATAL

ENTREVISTAS COM A ROSE

PAI NATAL (DOS VAMPIROS VEGETARIANOS)

 

NARRADORA: Bella Cullen

 

E por fim… Natal.

Já pensaram em como o Natal é uma época mágica? Todas as luzes, os sorrisos das crianças, presentes, união em família…

Apesar de a única criança na família ser a Nessie (ah… não sei o que pensar do Emmett) também o Natal é uma ocasião muito importante na família Cullen. E estava tudo a correr bem… até a Rose decidir que queria fazer um programa especial de Natal.

 

EMMETT: Por favor, por favor! Convida o Pai Natal para o programa!

ROSALIE: Não! Ele nem sequer existe!

EMMETT: Dizes o mesmo sobre a Hannah, e eu vejo-a todos os dias na televisão.

ALICE: Rose, fala mais baixo. Não te esqueças que a Nessie ainda acredita no Pai Natal.

EMMETT: E eu também!

RENESMEE: O Pai Natal? O Pai Natal vem aqui ao programa?

ROSALIE: Ah… querida, peço desculpa, mas o Pai Natal verdadeiro está muito ocupado.

EMMETT: E então o Pai Natal dos vampiros vegetarianos?

RENESMEE: Existe um Pai Natal dos vampiros vegetarianos?

EMMETT: É claro que sim!

 

Então, aqui vai a explicação: Certo dia, muito antes de eu ser transformada o Emmett fez uma birra por não conhecer o verdadeiro Pai Natal. Foi então que o Carlisle teve que fazer o impensável e vestir-se de pai natal. Como o Emmett não é assim tão distraído (e acreditem, isso é uma questão discutível) reparou que aquele não era o verdadeiro pai natal e o Carlisle teve que dizer que era o Pai Natal dos Vampiros Vegetarianos.

 

EMMETT E RENESMEE: Por favor, por favor, por favor, por favor!

ROSALIE: Está bem! Então vamos ter um programa com o Pai Natal dos Vampiros Vegetarianos.

EMMETT E RENESMEE: Boa!

CARLISLE: Oh não.

 

JASPER: Em 3,2,1… Acção!

ROSALIE: Olá a todos os espectadores do Entrevistas com a Rose! Tenho o prazer de anunciar que, devido à época natalícia, teremos hoje um programa deveras especial. O nosso convidado de honra, o Pai Natal dos Vampiros Vegetarianos!

(Entra o Carlisle vestido de Pai Natal)

PAI NATAL: Ho, Ho, Ho! Feliz Natal!

(Histerismo mútuo de Emmett e Renesmee)

ROSALIE: É claro que o Pai Natal não podia ter feito a sua viagem sozinho. Apresento a duende mais famosa do Pólo Norte, a duende Ali…

(Entra a Alice vestida de duende do Pai Natal)

DUENDE: A duende Alishon.

ROSALIE: (murmurando) Alice, esse não é um nome de duende.

DUENDE: É a mistura de Alice mais fashion. Assim posso ser a duende da moda.

(Histerismo de Emmett, enquanto Renesmee apenas batia palmas)

ROSALIE: Como queiras. E, como alguém tinha que conduzir o trenó do Pai Natal, dou as boas-vindas à Rena Rudolfo!

(Entra Jacob, com um par de chifres na cabeça e um nariz vermelho)

BELLA: Jacob?

RENA: É Rena Rudolfo.

(Histerismo apenas de Emmett)

BELLA: A Rosalie obrigou-te?

RENA: Ela subornou-me com um carro de prenda de Natal.

ROSALIE: Na verdade, eu só me queria divertir um pouco e consegui. Cão, ou melhor, rena, estás hilariante.

RENA: Pois.

ROSALIE: Vamos prosseguir com o programa. Então, Pai Natal, como foi a sua viagem?

PAI NATAL: Ah… Correu tudo bem. As renas… portaram-se bem.

(Olhar enfurecido de Jacob)

ROSALIE: Desculpe perguntar, mas o que é que pensa trazer-me para o Natal?

RENA: Tinta de cabelo!

PAI NATAL: Ah… Não sei. Mas isso depende se foste marota ou não durante este ano.

ROSALIE: Ah… Pois. Nunca percebi muito bem isso; todas as crianças são um bocadinho marotas.

PAI NATAL: Sim, mas o que interessa é se são marotas por maldade ou não.

RENESMEE: Papá, eu não sou marota, pois não?

EMMETT: Edward, eu não sou maroto, pois não?

EDWARD: Nessie, és uma criança muito boazinha. E Emmett… ah… não sei o que dizer.

RENA: Arrependes-te de algum mal que fizeste este ano, loi… Rosalie?

ROSALIE: Talvez. Mas não me arrependo de nada de mal acerca de uns insultos para um certo animal canídeo que hoje não está aqui presente.

RENA: Ele está presente. Só que em forma de cervídeo.

ROSALIE: Ce… O quê?

RENA: É a família a que pertencem as renas. Pesquisei na wikipédia.

EMMETT: Então e eu? Eu vou ter presentes? Por favor, por favor, por favor?

PAI NATAL: Ah… Claro, suponho que sim.

EMMETT: Boa!

RENESMEE: Pai Natal, sempre pensei que fosses um pouquinho mais… gordinho.

PAI NATAL: Ah… Este ano foi o ano de dieta do Pai Natal. Ho! Ho! Ho! Temos todos que pensar nas doenças por excesso de peso: colesterol, diabetes…

EMMETT: Pensava que você era o Pai Natal dos vampiros vegetarianos. É possível engordar com sangue?

PAI NATAL: Ah… Sim. Com sangue de… focas e ursos polares. Aqueles animais têm muita gordura e isso faz os vampiros aumentar o peso.

ROSALIE: As suas renas também são renas vampíricas?

PAI NATAL: Sim.

RENA: Não.

ROSALIE: Então em que é que ficamos?

PAI NATAL: É claro que uma rena não pode ser vampira… Mas a verdade é que as minhas renas tem velocidade vampírica, para conseguirem distribuir os presentes para todos os vampiros vegetarianos. Por isso é uma rena vampírica.

EMMETT: Nunca lhe deu vontade de morder uma das suas renas? É que uma vez eu ofereci um coelhinho branco à Nessie, mas já não caçava à muito tempo… E… coitadinho do coelhinho.

PAI NATAL: Ah… Não, as minhas renas não tem um cheiro muito apetecível.

EMMETT: Eu não queria ser desagradável, mas já tinha reparado.

RENA: Hei!

ROSALIE: Vamos então às respostas rápidas. Uma pergunta a cada um. Preparados?

PAI NATAL, RENA E DUENDE: Sim!

ROSALIE: Primeiro, para o Pai Natal. Letra C?

PAI NATAL: Cullen, porque são é uma família muito agradável.

ROSALIE: Duende. Letra B?

DUENDE: Brinquedos! Podem ser bonecas, maquilhagem, roupa, a Bella…

ROSALIE: Agora para o cã.. Para a rena. Letra L?

RENA: Loiras. Gosto muito de anedotas sobre loiras.

RENESMEE: Jake!

RENA: Sim?

RENESMEE: Tu és o Jake!

RENA: Ah… não, eu sou a rena do Pai Natal dos Vampiros Vegetariano.

RENESMEE: Não, és o Jake! E aquela é a tia Alice!

DUENDE: Ah… Não. Eu sou a duende Alishon. Que é uma mistura de…

RENESMEE: De Alice mais fashion?

DUENDE: Ah… Não…

RENESMEE: E tu! O Pai Natal é o avô Carlisle!

EMMETT: Que disparate! Desde quando é que o Carlisle é o Pai Natal dos Vampiros Vegetarianos?

(Carlisle tira a barba da cara)

EMMETT: Carlisle! Tu és o Pai Natal dos Vampiros Vegetarianos! Eu sabia que tu tinhas um trenó algures estacionado!

CARLISLE: Emmett, acho que não estás a perceber.

EMMETT: É claro que percebo! Aliás aposto, que, em vez de trabalhar no hospital, tu vais para o Pólo Norte ajudar os duendes!

CARLISLE: Emmett! O Pai Natal dos Vampiros Vegetarianos não existe!

EMMETT E RENESMEE: O quê?                 O Pai Natal não existe?

CARLISLE: Meninos, a magia do Pai Natal existe; dentro de vocês mesmos. Mas o Natal é muito mais do que as prendas que o Pai Natal possa dar. É uma época de união familiar, de amizade, de solidariedade com os que mais precisam. É por isso que o Natal é mágico.

RENESMEE: Acho que tens razão.

EMMETT: Hum. Talvez. Mas isso quer dizer que não há presentes este ano?

CARLISLE: É claro que não! Que venham as prendas!

 

 

Tínhamos combinado que cada um iria dar uma prenda a outra pessoa da família. Fizemos então, em directo, a troca de presentes entre a família Cullen.

 

O Jake ofereceu à Rose um frasco de tinta loira para o cabelo.

A Rose ofereceu ao Emmett todos os DVD´S existentes e possíveis da Hannah Montana. Acho que ele chorou de felicidade quando os viu.

O Emmett ofereceu-me um capacete, cotoveleiras, joelheiras e todo o equipamento de protecção que é possível encontrar. Segundo ele, eu continuo muito desajeitada para uma vampira e “mais vale prevenir do que remediar.”

Eu ofereci ao Edward um piano branco, novinho e brilhante.

O Edward ofereceu à Esme um vaso muito antigo e bonito, feito de porcelana. Durou mais do que todos nós pensávamos: demorou cerca de dez minutos até o Emmett ir ver o vaso e o deixar cair, transformando-se em mil pedaços; sorte a dele que era Natal e a Esme o perdoou.

A Esme ofereceu ao Jasper uma câmara nova, para ele poder gravar o programa com mais qualidade.

O Jasper ofereceu ao Carlisle novo equipamento médico: seringas, estetoscópios…

O Carlisle ofereceu à Alice uma Barbie muito parecida comigo em tamanho real (apesar disso, duvido que ela troca a boneca por mim e me deixe em paz durante algum tempo).

A Alice (com influência da Rose) ofereceu ao Jake um conjunto de trela e coleira personalizada por ela.

A Renesmee recebeu presentes de todos nós: um mini-piano (do Edwrad), um exemplar do livro O Monte dos Vendavais (de mim mesma), CD´s da Hannah Montana (do Emmett), uma pulseira com um medalhão em forma de lobo (do Jacob), uma mini-cozinha (da Esme), uma malinha de médico (do Carlisle), um novo guarda-roupa (da Alice), um perfume (do Jasper; acho que foi para que a Renesmee disfarçar o seu cheiro com o perfume para não custar tanto ao Jasper estar perto dela) e um estojo de maquilhagem (da Rosalie).

 

ROSALIE: Bem, acho que o programa termina por hoje. Muito obrigada a todos os espectadores. E lembrem-se que o natal é uma época de família, solidariedade e felicidade.

EMMETT: E presentes.

ROSALIE: E, é claro, presentes. Vemo-nos no próximo Entrevistas com a Rose. Muito obrigado e…

 

 

 

TODOS: FELIZ NATAL!

Aproveito para desejar um Feliz Natal e um Bom Ano Novo a todos os que lêem o Entrevistas com a Rose!

Twikisses*

publicado por Twihistorias às 19:17

16
Dez 10

ENTREVISTAS COM A ROSE

KRISTEN STEWART

 

 

            NARRADORA: Bella Cullen.

 

            Pelos vistos, a Rosalie não se sentia bem sem antes entrevistar todas as estrelas de Twilight. Primeiro o Robert, depois o Taylor, e agora…

            Agora a Kristen Stewart.

            Ainda hei-de perceber onde é que ela arranja todos os números das estrelas de Hollywood. Talvez pudesse finalmente telefonar ao Robert para…

            EDWARD: Bella, amor, tens o escudo desactivado. Consigo ler os teus pensamentos.

            Ups.

 

 

ROSALIE: Acho que a convidada desta semana deveria ser uma mulher.

            EMMETT: Porquê?

            ROSALIE: Há quanto tempo é que não temos uma mulher como entrevistada, Emmett?

            EMMETT: Ah… Deixa cá ver… Desde a semana passada? Se a entrevistada tem que ser uma mulher, posso sugerir alguns nomes?

            ROSALIE: Claro. Desde que esses nomes não sejam Hannah Montana ou Miley Cyrus.  

EMMETT: Que pena. (Pensa um pouco) Já sei! Lady Gaga?

            ROSALIE: É que nem te vou responder.

            EMMETT: Mas tu já respondeste.

            ROSALIE: Emmett!

            EMMETT: Pronto. Deixa cá ver que mulheres é que já vieram ao programa: a Tanya Denali, a Jessica Stanley, a Stephenie Meyer, a Kristen Stewart…

             ROSALIE: A Kristen Stewart nunca esteve no programa.

            EMMETT: Então era um sonho! Bem me parecia que a minha ursinha a dançar a macarena vestida de Hanhah Montana não era muito provável.

            ROSALIE: (zangada) A vestir o quê? A dançar o quê? E, além de mais, tu nem dormes!

            EMMETT: Bem pensado. Então, a Kristen Stewart no programa, não é? Mas que boa ideia. Vou já informar os outros.

            ROSALIE: Mas eu… eu nem…

            EMMETT: Sim, tu tiveste esta óptima ideia.

            (Emmett sai do quarto para avisar os outros)

            ROSALIE: Mas porque é que eu ainda tenho esperanças acerca de ter uma conversa normal com ele?

           

            JASPER: Oh meu deus. Só queria dizer que sou um grande fã. Um fã enorme.

            KRISTEN: Ah… Obrigada.

            ALICE: Engraçado. Esta deve ser a primeira fala a sério do Jasper neste programa.

            ROSALIE: Pois, muito engraçado. Jasper? E que tal as palavrinhas mágicas? Em 3, 2, 1…

            JASPER: Acção!

            ROSALIE: Bom-dia a todo Portugal e restantes países que nos estão a ver neste momento!

            JACOB: Mas porque é que alguém ainda perde tempo a ver este programa?

            ROSALIE: Certamente não é por tu estares nele. Ignorando todos os canídeos presentes, vamos dar as boas-vindas à nossa convidada de hoje! Ela é a mulher mais sortuda do cinema, uma das actrizes mais elegantes e mais bem vestidas… Kristen Stewart!

            (Entra a Kristen, com histeria geral do público)

            KRISTEN: Obrigada, Rosalie.

            ROSALIE: Devo dizer que também admiro muito o teu trabalho,

            JACOB: Uau. Um verdadeiro milagre: a loira a elogiar alguém que não seja ela própria.

            KRISTEN: Ele é engraçado.

            JACOB: Pois. Pensando bem, também gosto dela.

            (Renesmee dá um pontapé na perna de Jacob, por ciúmes)

            JACOB: Ai!

            ROSALIE: Finalmente, a Nessie faz alguma coisa verdadeiramente inteligente.

            ALICE: Eu só queria dizer isto: A-do-ro completamente o teu vestido.

            KRISTEN: Ah… Obrigada. São todos muito simpáticos por aqui.

            ROSALIE: Prosseguindo. Então, tenho a certeza que os teus colegas de trabalho, o Robert Pattinson e o Taylor Lautner já te tinham falado do programa.

            KRISTEN: Pois, já me tinham dito alguma coisa. O Robert parece que ficou muito interessado ali na Bella e o Taylor não parava de falar em como a pequena Renesmee era adorável.

            EDWARD: O Robert o quê?

            JACOB: O Taylor o quê?

            ROSALIE: Nenhum deles referiu nada sobre mim?

            KRISTEN: Ah… Ambos disseram que a entrevistadora era muito simpática.

            ROSALIE: Chiu! Está a estragar a minha reputação de loira egocêntrica e convencida.

            KRISTEN: Pois… Desculpe?

            ROSALIE: Não faz mal. Sabe, você deve ser a actriz mais sortuda do cinema. Beija o Robert depois abraça o Taylor que nunca tem a decência de vestir uma camisola… Eu nunca percebi porque é que a Bella se queixa. Afinal, há alguém que possa ter mais sorte?

            BELLA: Obrigadinha por expressares a tua opinião, Rosalie.

            JACOB: E desculpa lá se nem todos podemos andar a desperdiçar camisolas quando nos transformamos em lobisomens.

            KRISTEN: Ah! Já percebi. Vocês estão a fingir ser as personagens do livro. Muito boa interpretação, sem dúvida alguma.

            ROSALIE: Pois, exactamente. A Kristen também confirma que o fenómeno Robsten não existe, para a tristeza de todos os fãs?

            KRISTEN: (que se ri para Jacob) Sim, também confirmo. O Rob e eu somos apenas amigos.

            (Jacob ri-se para a Kristen, e Renesmee dá-lhe outro pontapé na perna)

            JACOB: Ai! Outra vez?!

            RENESMEE: Desculpa. Parece que estou muito desastrada hoje.

            ROSALIE: Ela é cada vez mais o meu orgulho. Por falar em ser desastrada, deve ser um grande desafio parecer tão desajeitada ali como a Bella. Porque a Kristen nunca a viu quando ela era humana; foi um grande desafio para a Renée e o Charlie criá-la sem que ela se cortasse em papel, fosse atropelada, caísse acidentalmente da cama enquanto dormia, fosse comida por uma tarântula gigante…

            BELLA: Mais uma vez, obrigada Rosalie.

            ROSALIE: Estava só a ilustrar a realidade do tempo em que eras humana.

            EMMETT: Eu não quero ofender ninguém, mas a realidade enquanto vampira não mudou muito.

            BELLA: Emmett Cullen!

            EMMETT: Pronto, eu não digo mais nada. Também estou aborrecido, porque nunca posso trazer a Hannah Montana aqui ao programa.

            KRISTEN: A Mi…

            EMMETT: (Interrompendo a Kristen) Não, antes que perguntes, não é a Miley Cyrus. É a HANNAH MONTANA, não a Miley Cyrus.

            ROSALIE: Kristen, não tente compreender. Eu ando a tentar compreendê-lo há décadas e a única conclusão a que cheguei é que salvei um urso de comer o Emmett.

            KRISTEN: Pensava que tinha sido o contrário.

            ROSALIE: Pois. Isso é o que toda a gente pensa.

            ALICE: Rose, não sejas má para o Emmett.

            ROSALIE: É claro. Não foi ao teu roupeiro a que ele foi ver se encontrava uma roupa parecida com a de um episódio da Hannah Montana, e decidiu fazer um vídeo que postou no Youtube a dizer que ele era o maior fã dela.

            ALICE: Ele fez isso?

            ROSALIE: Fez.

            BELLA: Eu nem sabia que ele tinha conta no Youtube.

            EMMETT: Mas Bella, onde é que achas que eu ia pôr todos os vídeos das tuas quedas e de todas as vezes que te magoaste? Nas aulas de Educação Física, quando ias passear com o Edward pela floresta…

            BELLA: TU O QUÊ?

            EMMETT: Até tenho aquele momento emblemático filmado: Então o cordeiro apaixonou-se pelo leão. Que cordeiro estúpido. Que leão…

            EDWARD: TU TENS O QUÊ?

            KRISTEN: Ah, já sei ao que se refere o Emmett. Nós vimos esses vídeos para a preparação dos filmes. Aliás, há um vídeo que foi muito útil para o filme Amanhecer, sobre a Bella e o Edward na Ilha Esme…

            EMMETT: Pois foi. Eu viajei até à Ilha Esme e…

            BELLA E EDWARD: TU FIZESTE O QUÊ?

 

            (…)

 

NARRADORA: Alice Cullen

 

            Como devem ter percebido e já que eu só tenho oportunidade de narrar o programa quando a Bella se mete em problemas, o Emmett não escapou impune à sua brincadeira.

            Pronto, devo admitir que os vídeos estavam engraçados. E devo admitir que já sabia que ele os tinha posto online, mas vá lá, a Bella a cair vezes e vezes sem conta pode tornar-se muito engraçado. A sério que pode.

            Quem não achou tanta piada à situação foram a Bella e o Edward. Aliás, como castigo, o Emmett foi obrigado a vestir as roupas antigas da Bella e a encenar quase todas as cenas dos vídeos que ele tinha filmado. Se a Bella a cair já era hilariante, deviam ver a versão do Emmett 

            Enfim, a entrevista com a Kristen Stewart teve que acabar mais cedo.

           

            ROSALIE: Pedimos desculpa Kristen, mais uma vez.

            KRISTEN: Não faz mal. Eu diverti-me imenso. Jacob, talvez algum dia queiras tomar um café, ou assim?

            JACOB: Eu gostaria…

            (Renesmee dá outro pontapé, com mais força a Jacob na outra perna)

            JACOB: (a gemer) Ai! Outra vez não!

            RENESMEE: Ups, não sei o que é que se passa comigo hoje.

            ROSALIE: Ela não é adorável?

            KRISTEN: Ah… Pois.

 

           

            Enfim. Pelas alminhas dos sapatos Prada, acessórios Channel e roupas Gucci. Resta-me despedir e dizer adeus até ao próximo…

           

           

            TODOS: ENTREVSITAS COM A ROSE!

 

 

As opções desta semana:
1) Renesmee Cullen
2) Um fã do Entrevistas com a Rose (um fã ficticio)
3) Edward Cullen

publicado por Twihistorias às 20:23

06
Dez 10

ENTREVISTAS COM A ROSE

STEPHENIE MEYER

 

NARRADORA: Bella Cullen.

 

            Acho que ninguém iria adivinhar o convidado de hoje, talvez porque é demasiado inteligente, culta e ocupada para vir ao programa da Rose. Tudo começou quando a Rosalie, num acto muito raro, encarregou o Emmett de algo importante: escolher o convidado desta semana.

 

JACOB: Alguém me pode explicar porque é que foi o Emmett o encarregado de escolher o convidado de hoje?

            ROSALIE: Porque eu não sei ladrar.

            JACOB: Ah?

            ROSALIE: Sinceramente, não deves ser o animal mais inteligente da tua espécie. Se fosses tu a escolher o meu convidado, ele seria, provavelmente, um rafeiro qualquer, e, além de eu não suportar o cheiro a cão, também não sei ladrar.

            JACOB: Ah!

            EMMETT: E cá está ela!

            ALICE: Pelo menos é uma mulher. Posso sempre vesti-la, maquilhá-la…

            JACOB: Fazer dela a tua barbie… Como fazes com a Bella.

            BELLA: Isso não é verdade!

            ALICE: Oh, não vamos mentir, Bella. É claro que é.

            EMMETT: Então e a convidada?

            ROSALIE: Diz lá, Emmett.

            EMMETT: Tambores, Edward!

            EDWARD: Quantas vezes é que eu tenho que te explicar que isto é um piano?

            EMMETT: Bem, seria muito melhor se fossem tambores. Ou uma bateria…. Talvez uma guitarra…

            TODOS: Emmett!

            EMMETT: Está bem. Connosco, Stephenie Meyer!

            TODOS: (olhar chocado)

            SHEPHENIE: Olá! Bem, é um prazer revê-los a todos!

            ROSALIE: Emmett, há uma razão para eu te mandar escolher o convidado de hoje. Eu não sei se percebeste, mas isto é um programa de comédia, e não para grandes escritoras como… como ela.

            ALICE: Pois. Eu pensei que ele ia trazer alguém como a Miley Cyrus.

            JAKE: Ou pior. A Hannah Montana.

            EMMETT: Eu tentei. Mas parece que o número dela é bastante secreto em Hollywood, porque ninguém o tem.

            JACOB: Não te ocorre outra razão mais óbvia para ninguém ter o número dela?

            EMMETT: Ah… Não, nem por isso.

            STEPHENIE: Bom, parece que têm que se contentar comigo.

            ROSALIE: E eu que já tinha a entrevista com a Hannah preparada.

           

JASPER: Em 3, 2, 1… Acção!

ROSALIE: Bom-dia, Portugal continental, Açores e Madeira!

RENESMEE: Parece que alguém andou a estudar.

ROSALIE: Pois, o Edward ensinou-me um pouco de geografia. Prosseguindo, hoje tenho connosco uma das pessoas que todos nós mais admiramos. Ela é um ícone mundial, escritora dos livros mais famosos de sempre… Connosco, Stephenie Meyer!

STEPHENIE: Rosalie, és muito querida. Pensando bem, não és nada como eu pensava que eras, o que é fantástico.

            ROSALIE: Chiu. Não quero que me estrague a reputação, por favor.

            STEPHENIE: Claro, minha querida.

            RENESMEE: Queria só informar que os elogios de hoje vão todos para a Stephenie, se ninguém se importar. Extraordinária!

            ROSALIE: Sabe o que eu sempre lhe quis perguntar?

            STEPHENIE: Tenho uma ideia. Queres saber como é que eu tive conhecimento da vossa história e escrevi quatro livros sobre vocês.

            EMMETT: Eu tenho desenvolvido uma teoria sobre isso!

            JACOB: Deixa-me adivinhar: A Stephenie foi raptada por extraterrestres durante o sono que eram comandados por uma loira diabólica – para quem não percebeu, a loira és tu Rose – que ordenou que lhe fosse injectada no cérebro toda a verdade sobre o mundo dos vampiros.

            EMMETT: Ah… Não. Essa não era a minha teoria. Mas… pensando bem… (suspira) A tua faz mais sentido.

            ROSALIE: Achas mesmo que eu sou uma loira diabólica?

            EMMETT: Não, docinho, paixão, amor da minha vida. Mas tens que perceber que o resto da teoria dele até faz algum sentido.     

            STEPHENIE: (rindo) Que disparate! A Esme nunca vos contou como é que eu descobri toda a verdade sobre vocês?

            EMMETT: Ah… A Esme não costuma falar muito.

            ROSALIE: Mesmo nada.

            ESME: Isso é porque acho muito mais divertido vê-los a falar e discutirem.

            CARLISLE: Eu concordo com a Esme.

            RENESMEE: Incrível!

            ESME: A Stephenie e eu conhecemo-nos há alguns anos, quando ela descobriu acidentalmente a verdade sobre os vampiros. Eu contei-lhe toda a história sobre a nossa família e, passado uns tempos, mostrou-me uns rascunhos do que andava a escrever sobre nós.

            STEPHENIE: A Esme adorou, e achou que eu tinha muito talento como escritora e incitou-me a publicá-lo. É claro que nunca achamos que teria tanto sucesso.

            BELLA: E os Volturi nunca reclamaram sobre isso?

            STEPHENIE: Sabes, por vezes, esconder alguma coisa é muito mais fácil quando a população mundial pensa que é ficção. Por falar nisso, não há problemas em revelar tudo isto em directo?

            BELLA: Não se preocupe. Nunca ninguém acredita em nada do que é dito aqui.

            ROSALIE: Pois, a Bella tem razão. Tenho outra pergunta: Apesar de nos seus livros desenvolver a história dos Cullen na Bella e no Edward. Não acha que existem outras personagens que também dariam uma grande história?

            STEPHENIE: Deixa-me adivinhar… Por exemplo, como tu e o Emmett?

            ROSALIE: Estava a referir-me só a mim mesma.

            STEPHENIE: Bem, acho que foi a história deles que me chamou mais a atenção. É claro que também existem outras grandes histórias aqui que mereciam ser valorizadas, mas acho que não quero esgotar o tema de uma só vez, percebes?

            ROSALIE: Mesmo assim. Foram preciso mais de mil e setecentas páginas para as duas criaturas… Toda a gente sabe o que eu quero dizer.

            RENESMEE: Eu não sei, tia.

            BELLA: Ela quer dizer que foram preciso muitas páginas para o pai e eu irmos para a Ilha Esme fazer coisas divertidas.

            RENESMEE: Que tipo de coisas?

            BELLA: Essa é outra conversa, para daqui a muitos anos.

            EMMETT: Stephenie, acho que o meu personagem e subvalorizado nos livros.

            STEPHENIE: Começo agora a achar o mesmo. Não me tinham dito que já usavas palavras com mais de quatro sílabas, Emmett.

            EMMETT: Até já li os seus livros.

            EDWARD: Emmett, ler um livro implica ler todas as páginas que um livro tem, e não só a contracapa.

            EMMETT: Ah… Então posso dizer que já li a contracapa de todos os seus livros.

            STEPHENIE: É um avanço.

            RENESMEE: Querida!

            JACOB: Começo a concordar com o Emmett. É que as personagens nos livros são um pouco diferentes de nós mesmos.

            ROSALIE: É claro que somos. A Stephenie escreveu um livro sério, e não uma comédia.

            STEPHENIE: Uma coisa que eu tentei ocultar nos livros foi a vossa verdadeira… essência como pessoas. Não queria que se sentissem demasiado expostos no mundo quando os livros fossem lançados.

            ROSALIE: Ali o Jacob não se importa de se sentir exposto. Aliás, todas as vezes que se transforma, ele anda totalmente exposto como veio ao mundo.

            JACOB: Pelo menos o meu pelo é verdadeiro, ao contrário do teu cabelo loiro pintado.

            ROSALIE: A única razão para eu não te arrancar uma pauta em  público é porque tenho muito respeito pela convidada de hoje.

            STEPHENIE: Eu acho a vossa relação muito engraçada.

            ROSALIE: Sim, todos acham. Vamos então às respostas rápidas. Preparada?

            STEPHENIE: É claro que sim.

            ROSALIE: Uma letra. C?

            STEPHENIE: Cullen. A família Cullen.

            ROSALIE: E?

            STEPHENIE: Esme, por ser uma grande amiga que me deu a conhecer a vossa história.

            ROSALIE: T?

            STEPHENIE: Twilight, porque foi onde tudo teve o seu inicio.

            ROSALIE: Muito bem. Agora responda com a primeira coisa que lhe vier à mente. Uma personagem?

            STEPHENIE: Gosto muito da pequena Renesmee.

            RENESMEE: Amável!

            ROSALIE: Um livro?

            STEPHENIE: Recentemente, enviaram-me um livro: Piadas de loiras de A a Z. É muito engraçado.

            ROSALIE: Pois, suspeito de quem o tenha mandado.

            JACOB: Tens que admitir que tem a sua piada.

            ROSALIE: Não. Tem. Piada. Nenhuma.

            STHEPENIE: Pronto, não se zanguem.

            ROSALIE: É claro que não. Porque eu sou uma pessoa culta e esperta que sabe manter a calma.

            JACOB: E deveras mentirosa.

            ROSALIE: Voltamos para a semana, com outro convidado. Todos agradecemos a presença da Stephenie Meyer aqui, pela sua atenção e dedicação. Fique sabendo que é a melhor, a mais fantástica, a mais querida, a mais…

            TODOS: Rose!

            ROSALIE: Enfim, acho que todos os fãs de Twilight têm um grande carinho por si.

            STEPHENIE: Eu também vos adoro, a todos.

            ROSALIE: Voltamos para a próxima semana, com mais…

 

            TODOS: ENTREVISTAS COM A ROSE!

 

 

Opções para o próximo convidado da Rose:

1: Edward Cullen
2: Kristen Stewart
3: Alice Cullen

publicado por Twihistorias às 22:40

24
Nov 10

ENTREVISTAS COM A ROSE

TAYLOR LAUTNER

 

NARRADORA: Bella Cullen

 

            TAYLOR: Já disse que não foi engano. Por favor, vim para a entrevista. Mandaram-me vir ter com a Rosalie Cullen.

            JACOB: Não… Rosalie Cullen? Não, não conheço.

 

            Devo dizer que já estavam nisto há… talvez mais de uma hora? Bem, também talvez deva dizer que não me intrometi. Não é que tivesse alguma coisa contra o convidado de hoje: Taylor Lautner. Não, não tinha. Mas se tinha alguma coisa contra a fixação da minha filha com esse indivíduo? Sim, isso tinha.

            Depois de o Edward voltar para casa (sim, eu deixei-o voltar; mas admito que foi engraçado vê-lo a dormir na floresta) todos ficamos perplexos quando a Rose, muito calmamente, nos anunciou o convidado desta semana. Sim, eu sei: Rose e calmamente não são palavras fáceis de usar numa só frase, mas foi verdade.

 

            TAYLOR: Ouça, talvez fosse melhor chamar alguém.

            JACOB: Deixe cá ver… Não, não, estou sozinho em casa.

            TAYLOR: Já ouvi vozes de pelo menos três pessoas diferentes. E está uma rapariga mesmo atrás de si, ocupada a registar alguma coisa num caderno.

            JACOB: É a Bella. Ela só está a narrar a entrevista.

            TAYLOR: Ah! Então sempre há uma entrevista.

            JACOB: Eu disse entrevista? Peço desculpa, eu disse que ela estava a narrar a… a revista. A Bella faz um resumo de cada revista que lê.

            BELLA: Deixa-me fora disso, Jake.

            Foi então que não consegui impedir a tempo. Ela correu demasiado rápido, mesmo para uma vampira (ou meia - vampira).

            RENESMEE: (a boca dela abriu, mas acho que estava demasiado chocada para dizer algo)

            TAYLOR: Olá. Tu deves ser a princesinha de quem me falaram. Eu sou o Taylor Lautner.

            RENESMEE: Tay… Tay.. Tay… Lor… Taylor?

            ROSALIE: Ora, nunca tinha aplicado tão bem a expressão cão de guarda. O que é que tu estás aqui a fazer e porque é que não deixas entrar o nosso convidado?

            TAYLOR: Finalmente. Você deve ser a Rosalie Cullen. (Taylor estende a mão)

            ROSALIE: (ignorando a mão estendida de Taylor) Pois, acho que sou. E esta menina é a Renesmee Cullen.

            TAYLOR: (para a Renesmee) Muito prazer em conhecer-te.

            RENESMEE: (inspirando o ar muito lentamente) O prazer é todo o meu.

            JACOB: Lamento, mas não posso dizer o mesmo.

            ROSALIE: Cão, sê mais educado, por favor.

            JACOB: Hei, loira, sabes porque é que a loira atravessou a rua?

            ROSALIE: Não, não sei.

            TAYLOR: Nem ela sabe.

 

JASPER: Em 3,2,1… Acção!

            ROSALIE: Bom-dia, queridos espectadores! Neste programa, iremos continuar com os convidados famosos e super-estrelas mundiais: connosco, Taylor Lautner!

            (ouve-se a Renesmee a gritar e a aplaudir)

            ESME: Nessie, querida, talvez seja melhor… ah…

            (Renesmee senta-se calada novamente)

            TAYLOR: Obrigado, é sempre um prazer agradar aos fãs.

            JACOB: Talvez queiras dizer agradar à tua única fã aqui presente.

            TAYLOR: Quem te ouvir falar até pensa que estás comprometido com ela ou coisa assim.

            (olham todos perplexos para o Taylor)

            TAYLOR: Era uma piada.

            ROSALIE: Pois. Porque algo assim seria… bizarro.

            TAYLOR: Totalmente bizarro.

            JACOB: E se a loira continuasse com a entrevista?

            ROSALIE: Vamos lá fazer a vontade ao cachorrinho e continuar a entrevista. Então, sabes que tivemos aqui na semana passada o Robert Pattinson, certo?

            TAYLOR: Sim, ele telefonou-me. E depois passou a restante meia - hora a descrever uma tal de Bella Cullen.

            (olhar furioso de Edward)

            ROSALIE: A sério? E nem uma palavra sobre mim?

            EMMETT: Ursinha!

            TAYLOR: Ah… Talvez. E aquele deve ser o grandalhão que é fã da Hannah Montana.

            EMMETT: Correcto. Ah, só por acaso, não tens o número da Hannah Montana, pois não?

            TAYLOR: Da Miley Cyrus?

            EMMETT: Não. (suspira) Mas porque é que ninguém me entende?

            ALICE: Acredita, é difícil. Chego quase a achar que é impossível.

            RENESMEE: Tia! A entrevista!

            ROSALIE: Sabes, Renesmee, eu continuava, mas voltei a reparar que ainda não ouvi nenhum elogio hoje.

            RENESMEE: Ah… Maravilhoso. Encantador. Tão perfeito.

            JACOB: Não me digas que o Edward também ainda não te ensinou o masculino e o feminino.

            RENESMEE: Pois. Sim… Foi isso.

            ROSALIE: Enfim. Então, Taylor, muito se fala acerca dos teus relacionamentos. Selena Gomez, Taylor Swift… O que é que nos podes dizer sobre isto?

            RENESMEE: (baixinho) Papá, é errado magoar humanas famosas?

            EDWARD: Sim. Muito errado. Mas sabes, quando se tratam de humanos masculinos muito famosos que por acaso já foram convidados deste programa… (vê o olhar da Bella) Continua a ser errado.

            TAYLOR: Bem, tenho a dizer que neste momento me encontro solteiro.

            RENESMEE: A sério?

            TAYLOR: Ela é tão fofinha. Sim, claro.

            JACOB: (murmura) Sabes o que é que eu acho fofinho? O meu punho a acertar na tua…

            Bella: Jake. Sem violência.

            TAYLOR: Ah? Desculpa, não percebi.

            JACOB: Estava só a pensar em como é que arranjaste tempo para vires a este programa. Quer dizer, deves ser bastante ocupado…

            TAYLOR: Bem, essa é uma verdade. Mas quando a Rosalie me telefonou e insistiu tanto para ter aqui a minha presença, não pude negar.

            JACOB: A Rosalie telefonou-te? Pensava que tinha sido a Nessie.

            RENESMEE: Jake, sabes que eu não tenho autorização para usar o telefone.

            JACOB: Então como é que convenceste a tua tia?

            RENESMEE: Não foi preciso. Aliás, foi ela quem tomou a iniciativa de ligar ao Taylor.

            JACOB: Loira… Tens alguma coisa a dizer acerca disto?

            ROSALIE: Pronto, eu confesso! Fui eu quem ligou ao Taylor!

            TAYLOR: Como eu tinha dito.

            JACOB: Mas porquê? Pensava que tinhas dito que não gostavas dele.

            TAYLOR: A sério?

            RENESMEE: Não, a minha tia adora-te, tal como eu. Muito.

            ROSALIE: É só que… A Renesmee gosta muito dele. E eu pensei que… talvez isso pudesse, ah… irritar a Lassie.

            TAYLOR: Não sabia que tinham uma cadelinha. Adoro animais.

            JACOB: É. Um. Cão.

            ROSALIE: Ah! Finalmente o cão admitiu que é um cão!

            JACOB: Hei, loira, sabes como é que o neurónio de uma loira morre?

            ROSALIE: Não, não sei.

            TAYLOR: Sozinho.

            JACOB: Actor famoso, é a segunda vez que completas as minhas anedotas sobre loiras neste programa. Não sei se percebeste, mas o especialista em piadas de loiras aqui sou eu.

            TAYLOR: Peço desculpa. Mas ultimamente tenho estado a ler um novo livro: Piadas de loiras de A a Z.

            JACOB: Hei! Esse é o meu livro de piadas de loiras preferido!

            TAYLOR: A sério?

            JACOB: Claro. Como é que se chama uma loira com metade do cérebro?

            TAYLOR: Abençoada.

            JACOB: Qual é a diferença entre uma loira inteligente e o pai natal?

            TAYLOR: O pai natal existe.

            EMMETT: Eu sabia!

            JACOB: Porque é que uma loira fica tão feliz em acabar um puzzle em seis meses?

            TAYLOR: Porque na caixa estava escrito: de dois a quatro anos.

            ROSALIE: Aposto que se estão a divertir. Hello! A loira aqui sou eu!

            JACOB: Ah, pois. Desculpa.

            ROSALIE: Porque é que não existe nenhum livro de anedotas sobre cães grandes e a sua família?

            JACOB: Porque somos adoráveis.

            ROSALIE: Também as loiras são.

            RENESMEE: E eu que pensava que a entrevista era sobre o Taylor Lautner.

            JACOB: Sabes que mais? Eu até gosto dele.

            TAYLOR: A sério?

            ROSALIE: Não! Meu deus, porquê?

            JACOB: Ele sabe quase mais anedotas de loiras do que eu.

            TAYLOR: Quase?

            RENESMEE: Mas o que é que interessam as anedotas de loiras? Papá, mudei de ideias. Já não quero magoar as humanas famosas.

            EDWARD: Ainda bem. Bella, só por acaso, as tuas ideias quanto a magoar certos humanos famosos também mudaram?

            BELLA: Não!

            TAYLOR: Oh, desculpa minha querida. Tens razão, eu devia ter prestado mais atenção à entrevista e deixado as anedotas ali para o Jacob.

            JACOB: Pois devias. Porque eu sou melhor a contá-las.

            TAYLOR: Se quiseres, posso voltar para uma nova entrevista. Sabes, gosto de fazer tudo para agradar aos fãs.

            RENESMEE: Sim!

            TODOS: (excepto a Renesmee) Não!

            ROSALIE: Bem, infelizmente para nós, o tempo acabou e o meu plano para irritar a Lassie falhou.

            TAYLOR: Tenho mesmo que ver a cadelinha. Eu já disse que adoro animais?

            JACOB: É. Um. Cão.

            ROSALIE: Voltamos para a próxima semana. Espero ter um novo plano para irritar o cachorrinho no próximo…

 

TODOS: ENTREVSITAS COM A ROSE!

 

OPÇÕES PARA O PRÓXIMO CAPÍTULO:

  1. Stephenie Meyer
  2. Bella Cullen
  3. Renesmee  Cullen

Deixem um comentario com a opção acerca do próximo entrevistado. As votações terminam dia 26 de Novembro. Twikisses

publicado por Twihistorias às 18:40

18
Nov 10

ENTREVISTAS COM A ROSE

ROBERT PATTINSON

 

NARRADORA: Bella Cullen. Edward Cullen.

            Pois, admito que não sou muito bom a fazer isto (narrar os estultos programas da Rose).

            Sim, estultos. Esperem aí, não havia uma regra qualquer de não usar palavras que  ninguém percebe? Sim, acho que foi isso que a Bella me disse.

            E devem-se estar a perguntar (com razão) o porquê de ser eu a narrar a entrevista de hoje. Poderia proceder a uma longa explicação, mas tudo se resume a uma palavra: Robert Pattinson.

            Pois, quem é o convidado da Rose de hoje? Robert Pattinson. Quem é o homem por quem todas suspiram neste programa (e em praticamente, todo o mundo): Robert Pattinson. Robert isto, Robert aquilo… Como se ele fosse alguém de tão especial.

           

            ROSALIE: Oh meu deus. Oh meu deus. Oh meu deus.

            BELLA: O que foi?

            ROSALIE: En… tre… tre… vis… ta… Ro…. Ro… Robert Pattinson.

            BELLA, ALICE E ATÉ A ESME: Robert Pattinson?

            ROSALIE: Sim. Ele aceitou o pedido de ser entrevistado no Entrevistas com a Rose. Vou entrevistar o Robert Pattinson. Vou entrevistar o Robert Pattinson!

             

            É claro que as presenças masculinas nesta casa (mais a Renesmee, que diz ser mais Team Jacob do que Team Edward) não ficaram nada contentes. Ficam desde já a saber que não são ciúmes, são só… são só… não interessa.

           

            ROBERT: Boa Noite. É aqui a residência dos Cullen?

            ROSALIE: Si… Si…

            EMMETT: Ela quer dizer que sim. Em que posso ajudá-lo?

            ROBERT: Vim para a entrevista.

            EMMETT: Não estou a ver. Qual entrevista?

            ROBERT: Para o Entrevistas com a Rose, como ficou estabelecido.

            ROSALIE: Emm… Emme…

            EMMETT: Ela quer dizer Emmett. Mas a sério, não estou mesmo a ver a entrevista.

ROSALIE: Ma… Ma…

EMMETT: Ela quer dizer mas. No entanto… eu podia começar a ver a entrevista se, só por acaso, um certo senhor muito famoso à minha frente tivesse o número de telefone da Hannah Montana.

            ROBERT: Quer dizer da Miley Cyrus?

            EMMETT: Não, da Hannah Montana.

            ROBERT: Mas a Hannah não exis…

            ROSALIE: EMMETT! Desculpe, Robert, pode entrar e desculpe este… trabalhador com falta de bom senso.

            EMMETT: Trabalhador? Pois fique sabendo que ela é o meu docinho, paixão, amor da minha vida…

            ROSALIE: Pois, sim. Emmett, acho que ouvi dizer que a Hannah vai dar um concerto em Forks na próxima semana… (O Emmett sai a correr pela porta fora.) Então, fique sabendo Robert, que eu estou totalmente livre…

            ROBERT: Pode tratar-me por tu.

            ROSALIE: Sim, tudo o que tu quiseres.

 

            JASPER: Em 3,2,1… Acção!

            ROSALIE: Bom-dia público! Hoje é um dia muito especial. Connosco, temos o melhor actor de todos os tempos, o vampiro do cinema mais sexy de sempre, o homem com o melhor sorriso, com melhor cabelo, com melhor olhar, com melhor…

            EDWARD, JASPER E CARLISLE: Rose.

            ROSALIE: Connosco, Robert Pattinson!

            (histeria do público feminino)

            ROBERT: Obrigado, muito obrigado. É uma honra ser convidada para este programa…

            EDWARD: A sério?

            ROBERT: Claro, é sempre uma honra estar rodeado dos meus fãs.

            BELLA: É uma honra para nós estar perto de ti.

            ROSE, ALICE E ESME: Hum hum.

            ROBERT: Obrigado. Os elogios são sempre bons de ouvir, especialmente de uma mulher tão bonita.

            BELLA: A sério?

            EDWARD: Bella!

            BELLA: Hum, eu estava só a dialogar com o convidado, Edward.  

            ROBERT: Namorado ciumento, ah?

            EDWARD: É mais um marido ciumento.

            ROSALIE: Os divórcios são tão facilitados hoje em dia.

            EDWARD: Oh, por amor de deus, onde está o Emmett?

            ROBERT: Aquele grandalhão que me foi abrir a porta? Acho que foi comprar bilhetes para um concerto da Hannah, ou coisa assim.

            EDWARD: Mas qual concerto?

            ROSALIE: E o que é que isso interessa? Diz-me uma coisa Robert, preferes as loiras ou morenas?

            ROBERT: Para ser sincero… as morenas.

            ROSALIE: Não tem problema, eu posso pintar o cabelo.

            JACOB: Oh, agora diz ela que quer pintar o cabelo.

            ROSALIE: A conversa ainda não chegou ao canil.

            ROBERT: Bolas, ele é mesmo parecido com alguém que eu conheço. Mas quem será?

            JACOB: Talvez o Taylor Lautner?

            ROBERT: Não, nem por sombras.

            ROSALIE: Vamos ao que interessa, a entrevista. Afinal é para isso que aqui estamos, certo?

            ROBERT (olha directamente para a Bella): É claro, é claro.

            ROSALIE: Então, aqui vamos à grande questão: Existe Robsten ou não?

            ROBERT: Não, eu e a Kristen somos só bons amigos. Eu estou totalmente disponível (olha mais uma vez para a Bella). Totalmente.

            ROSALIE: Pois, sabes quem mais é que é loira e está totalmente disponível?

            ROBERT: Ah… não sei. A Lady Gaga?

            ROSALIE: Eu!

            ROBERT: Ah, peço desculpa, mas pareceu-me que tu estavas comprometida com aquele grandalhão fã da Hannah Montana.

            ROSALIE: Como seu eu alguma vez estivesse interessada nele.

            EDWARD: Estás casada com ele há mais de oitenta anos!

            ROSALIE: Pois, claro. Acabei de perceber que me falta alguma coisa neste programa.

            JACOB: A tua inteligência?

            ROSALIE: Não, mas ter uma trela seria útil.

            ROBERT: Ah, têm algum animal de estimação?

            ROSALIE: Sim!

            JACOB: Não!

            ROSALIE: Já sei o que me falta. Ainda não ouvi nenhum elogio da Renesmee hoje.

            RENESMEE: Estou revoltada.

            ROBERT: Oh, que criança mais amorosa.

            BELLA: Porquê, querida?

            RENESMEE: Porque é que eu não tenho a oportunidade de ter aqui o Taylor Lautner como eu queria?

            EDWARD: Porque és uma criança.

            JACOB: Porque ele não me inspira confiança.

            ROSALIE: Porque isso seria praticamente ter aqui dois cães em vez de um.

            ROBERT: Oh, Renesmee, eu tenho aqui o número dele, se quiseres contactá-lo…

            TODOS: Não!

            ROBERT: E afinal acho que o perdi.

            ROSALIE: Continuando. Se não estás interessado na Kristen, haverá mais alguém que tenha o teu interesse?

            ROBERT: Nunca se sabe. (olha mais uma vez para a Bella)

            EDWARD: Oh, isto já está a ser demais!

            ROSALIE: Bem, chegou a hora das perguntas rápidas. Estás preparado?

            ROBERT: Claro, claro.

            ROSALIE: Uma letra: T?

            ROBERT: Twilight, porque foi o que me trouxe toda esta maravilhosa vida.

ROSALIE: B?

            ROBERT: Acabei de perceber que Bella é um nome lindo.

            ROSALIE: R?

            ROBERT: Ah, deixa-me pensar…

            ROSALIE: Não achas que Rosalie é um nome lindo também?

            ROBERT: Claro, claro.

            ROSALIE: O país que tem as melhores fãs?

            ROBERT: Gosto muito de Portugal e das fãs que lá tenho.

            ROSALIE: A melhor coisa da tua vida?

            ROBERT: Ah, não sei. Talvez ter vindo a este programa.

            ROSE, ALICE, BELLA E ESME: A sério?

            EDWARD: Ok, isto acaba aqui! Por amor de deus, olhem para mim! Ele é apenas uma actor, que me interpreta a mim, no cinema! Eu sou um vampiro a sério, toco mais de trezentas músicas no piano, falo mais de quarenta línguas fluentemente, sei…

            ROBERT: Eu não quero ser indelicado mas Bella nunca te disseram que o teu marido é um pouco egocêntrico?

            BELLA: Um pouco?

            EDWARD: Mas eu… eu…

            BELLA: Edward, falámos mais tarde. Mas fica sabendo que estás a ser completamente indelicado com o convidado de hoje. Pede desculpa ao Robert, agora.

            EDWARD: Mas ele… e tu… (suspira) Pronto. Robert, peço desculpa pela minha atitude.

            ROBERT: Não faz mal. Acreditem ou não, ouço muitas vezes coisas do género por parte do público masculino. Fazem-se passar pelo Edward, têm ataques de ciúmes… É uma parte muito complicada de ser actor.

            ROSALIE: É perfeitamente compreensível.

            BELLA: Totalmente.

            ROSALIE: É com grande pena minha que temos que terminar este programa. Robert, tens alguma coisa a acrescentar?

            ROBERT: Muito obrigado pelo convite para este programa. Diverti-me muito e espero sinceramente voltar aqui um dia.

            EDWARD, CARLISLE E JASPER: Não!

 

(…)

 

            Acreditem ou não, a Bella ainda não me perdoou pelo que eu fiz no programa. Disse que precisava de um sono descansado para poder pensar melhor em perdoar-me (o que é totalmente mentira, porque os vampiros não dormem) e expulsou-me de casa. Para a minha sorte, a Rosalie também está zangada comigo, logo não pude passar a noite na outra casa. O Emmett? Não sei… O Carlisle disse-me que ele não tinha encontrado nenhum concerto da Hannah Montana em Forks, por isso ia correr até ao concerto mais próximo desta cantora… que se realiza no Japão. Acho que ele vai parar de correr quando perceber que o Japão fica do outro lado do Mundo, com mais do que um oceano a meio.

            Espero já estar a dormir em casa no próximo…

 

TODOS: ENTREVSITAS COM A ROSE!

 

 

 

Opções para o próximo entrevistado:

  1. Renesmee Cullen
  2. Taylor Lautner
  3. Stephenie Meyer
publicado por Twihistorias às 20:00

Dezembro 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
13
14

15
16
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30
31


mais sobre mim

ver perfil

seguir perfil

31 seguidores

pesquisar neste blog
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

O nosso facebook
facebook.com/twihistorias
blogs SAPO